Élder Christofferson aconselha os que sentem que sua bênção patriarcal não se cumprirá

D Todd Christofferson aconselha quem sente que sua bênção patriarcal não se cumprirá

Um conselho apostólico quando sentirmos que nossa bênção patriarcal não se cumprirá

Muitos membros da Igreja chegam em algum ponto na vida onde sentem, observando sua situação, que sua bênção patriarcal não se cumprirá. O Élder D. Todd Christofferson compartilhou algumas ideias no facebook que podem nos ajudar a encontrar esperança e entendimento nessas situações.

Tive o privilégio de falar na semana passada para um grupo maravilhoso de adultos solteiros. Estes são alguns dos pensamentos que expressei:

Alguns de vocês talvez se preocupem com o valor e o significado de sua vida e com o que o Senhor pensa a seu respeito. Talvez algumas coisas tenham acontecido ou não em sua vida. Talvez estejam preocupados com partes de sua bênção patriarcal que não foram ou parece que não serão cumpridas. Saibam que há ainda muitas coisas que vão acontecer em sua vida antes da ressurreição. Muito mais coisas do que vocês esperam que aconteçam! A vida mortal não é o início e nem o fim. O mais importante, para todos nós, é fazer tudo o que podemos fazer agora.

Lembrem-se do ensinamento de Alma, de que “a palavra” precisa ser plantada em nosso coração. Ele definiu “a palavra” nessa verdade vital: “Começai a acreditar no Filho de Deus, que ele virá para remir seu povo e que ele sofrerá e morrerá para expiar os pecados deles; e que ele se levantará dos mortos”. Tudo vem dessa verdade. Preparem um solo bom e profundo para que a semente cresça dentro de vocês. Não permitam que os espinhos e os cuidados deste mundo a sufoquem, mas que seja frutífera.

Cultivem e desenvolvam seus talentos. Desenvolvam os dons espirituais que Deus lhes deu. Não fiquem contentes com o patamar em que se encontram hoje. Tentem coisas novas. Continuem em frente. Lembrem-se de que na parábola dos talentos a recompensa é igual para a pessoa que aumentou os cinco talentos para dez e a pessoa que aumentou de dois para quatro: “Bem está, bom e fiel servo. Sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor”. É bom admirar uma qualidade virtuosa de alguém e procurar incorporá-la em sua vida, mas não se comparem com outras pessoas. O Senhor somente espera que vocês sejam diligentes com o que têm. Vocês podem fazer muito, até mesmo com o pouco que têm. Se forem diligentes, qualquer coisa que fizerem é suficiente.

Sintam gratidão por tudo o que têm: pelas orações respondidas, os talentos que receberam e o modo como o Senhor tem influenciado sua vida. Sejam cientes de Sua mão, reconheçam-na e mostrem gratidão a Ele. Ele quer dar muito mais a vocês. Às vezes, quando não me sinto inspirado enquanto oro, começo a agradecer a Deus por bênçãos especificas que tenho recebido em minha vida. Sinto o Espírito e isso me aproxima de Deus.

Orem. Passem tempo com o Senhor. Lembrem-se de que não são desconhecidos para o Pai Celestial. Ele não poderia amá-los mais do que os ama. Seu amor é perfeito e pleno. Não se preocupem com o tempo e as oportunidades perdidas. Vivam de modo produtivo, fiel e grato. Alegrem-se com tudo o que está por vir e com tudo o que já têm. Deus pode torná-los completos e lhes concederá, em Seu tempo, tudo o que Ele preparou para vocês e tudo o que Ele prometeu aos fiéis.

Artigo escrito no site LDSLiving.com

| Inspiração
Publicado por: Esdras Kutomi
Formado em SI, mórmon, gosta de RPG e Star Wars, lê artigos científicos por diversão, e se diverte mais com crianças ou idosos do que com pessoas de sua idade.
Incrível carta de uma divorciada aos jovens do M.A.S.
geração de missionários
O desafio de ser uma geração de missionários melhor que Amon

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *