Conheça o Projeto ‘A Igreja de Jesus Cristo – Libras’

Segundo o último senso do IBGE, mais de 10 milhões de brasileiros são surdos, cerca de 5% da nossa população. E com certeza esses números também refletem nos membros surdos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Mesmo com o reconhecimento da Libras como língua de reconhecimento como meio de expressão e comunicação da comunidade surda, ela ainda não é uma língua oficial e poucas pessoas no país falam o idioma.

Na Igreja, intérpretes voluntários estão presentes em algumas as regiões do país, mas ainda estamos longe de ter um intérprete para cada ala que precisa. Tal carência dificulta a frequência a reuniões da Igreja, devocionais e também à Conferência Geral.

Também pode ser interessante: A Igreja de Jesus Cristo publica recursos ajudar pessoas com deficiência e suas famílias

discurso na sacramental

Como surgiu o projeto

Foi pensando nessa situação que o Projeto A Igreja de Jesus Cristo em Libras começou em 2020. O projeto é independente e totalmente voluntário, e é organizado por membros da Igreja surdos e ouvintes de todas as regiões do Brasil.

Néfi Gois é surdo e também é o idealizador do projeto, que possui várias vertentes. Ele nasceu de pais membros da Igreja de Jesus Cristo, serviu missão em Washington Seattle em ASL (língua de sinais americana) e é casado com Sara, que também participa do projeto.

Integrantes de diversos lugares do país servem de diferentes maneiras. Como por exemplo, Jorlenny, de Fortaleza-CE, que cuida da reunião da comunidade surda Santo dos Últimos Dias, divulgando a Libras e cuidando de uma página específica de vídeos e hinos no Facebook.

Projeto A Igreja de Jesus Cristo Libras

A Conferência Geral em Libras

O primeiro evento interpretado* para a Língua Brasileira de Sinais foi a Conferência Geral de abril de 2020. “Tivemos a inspiração para transmitir a interpretação da Conferência em Libras no início da pandemia. Nos reunimos em Santa Maria – RS, e conversamos com os intérpretes e surdos do Brasil para que nos organizássemos de forma voluntária e fizéssemos a transmissão via Zoom”, disse Néfi.

Essa interpretação via Zoom deu tão certo que logo um canal foi criado no YouTube, com o objetivo de disponibilizar a interpretação voluntária* das sessões da Conferência Geral para todos os que precisam.

Algumas semanas antes do início da Conferência Geral, a equipe do projeto se reúne e organiza quem serão os intérpretes dos discursos e também os intérpretes para os hinos. Ocorre um revezamento entre os voluntários e também um sistema de feedback dos surdos para os intérpretes.

Assista a Conferência Geral em Libras aqui.

Também pode ser interessante: Por que você precisa da Conferência Geral?

Projeto A Igreja de Jesus Cristo Libras

Outras vertentes do projeto

Muitas pessoas fazem parte da equipe liderada por Néfi, dentre elas surdos e ouvintes, que coordenam grupos, organizam a divulgação, interpretam e cuidam da parte tecnológica, além de professores.

O Projeto A Igreja de Jesus Cristo – Libras conta com aula de Libras semanais para todos os que desejam aprender, aula do Instituto (Santa Maria) ministrado em língua de sinais e também noites familiares em Libras aos domingos. 

Se quiser saber mais sobre essa iniciativa, visite o Blog da Igreja de Jesus Cristo – Libras, a página do Instituto Santa Maria no Facebook ou entre em contato com Néfi. 

*intérpretes e interpretação não-oficial.

| Santos no Brasil
Publicado por: Marie Sunaga
Tradutora e intérprete e estudante de Letras na PUC-PR. Trabalhou como instrutora e supervisora no Centro de Treinamento Missionário. Fez missão em Manaus - Brasil, ama ler, tocar violão e comer sushi. É a gerente de conteúdo do time português na More Good Foundation.
Os milagres por trás da criação do "Pregar Meu Evangelho"
O que lembrar quando suas crenças te afastam de pessoas queridas

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *