Antes de entender o que são os batistérios dos templos, é necessário entender o porquê de eles serem necessários. Os batistérios são necessários pois são onde realizamos os batismos pelos mortos, ou o batismo vicário.

Mas acalme-se, vamos explicar o que são os batismos vicários e o porquê de eles serem necessários.

O próprio Jesus, mesmo sem pecados, foi batizado para cumprir toda justiça e mostrar o caminho a toda humanidade (Mateus 3:13–17; 2 Néfi 31: 5-12). Portanto, o batismo é essencial para a salvação no reino de Deus. Aprendemos no Novo Testamento que o batismo pelos mortos era feito no tempo do Apóstolo Paulo (I Coríntios 15:29).

Essa ordenança foi restaurada com o estabelecimento de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. O Profeta Joseph Smith ensinou a respeito da ordenança do batismo pelos mortos pela primeira vez durante o discurso feito em um funeral em agosto de 1840. Ele leu boa parte de I Coríntios 15, inclusive o versículo 29 e afirmou que o Senhor permitiria que os membros da Igreja realizassem batismos em favor de amigos e familiares falecidos.

Ele lhes disse que “o plano de salvação foi projetado para salvar todos os que estivessem dispostos a obedecer às demandas da lei de Deus” (Journal History of the Church, 15 de agosto de 1840).

Nem todos os que viveram na Terra tiveram a oportunidade de serem batizados pela devida autoridade durante a vida aqui, por isso os batismos podem ser realizados por procuração, o que significa que uma pessoa viva pode ser batizada em favor de uma pessoa falecida.

Acreditamos que Deus é justo, por isso, não faria sentido Ele dar a oportunidade para alguns de serem batizados e outros não. Quando o evangelho de Jesus Cristo foi restaurado novamente em 1830, muitas pessoas já haviam falecido sem o conhecimento da verdade, e o batismo vicário pode abençoar também aquelas pessoas.

Além disso, acreditamos que mesmo que o evangelho esteja em todo o mundo hoje, há muitas pessoas que não foram alcançadas por sua mensagem e outras jamais serão. Algumas nações ainda não são favoráveis à entrada da Igreja no país, em outras o proselitismo não é totalmente permitido, entre vários outros fatores. E o Senhor, de antemão sabia de tudo isso, por isso, preparou um meio de abençoar a todos os Seus filhos.

Batistério do templo de Paris França

Imagem via mormonnewsroom.org.

O batismo pelos mortos é realizado por membros da Igreja nos templos do mundo todo. As pessoas com frequência se perguntam se os restos mortais das pessoas são violados de alguma maneira no processo; não são. A pessoa que serve de procuradora usa apenas o nome da pessoa falecida. Para evitar duplicações, a Igreja mantém um registro das pessoas falecidas que já foram batizadas. Algumas pessoas pensam erroneamente que ao realizar o batismo por alguém falecido o nome dessa pessoa é adicionado aos registros da Igreja. Isso não é verdade.

Somente nos templos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias são feitos os batismos vicários. Nos templos da Igreja somente membros dignos podem entrar, diferentemente das capelas onde qualquer pessoa é bem-vinda, mesmo sem ser membros. Para entender a diferença de templos e capelas, sugerimos este artigo.

E onde, nos templos, são feitos os batismos? Nos batistérios!

Lá, temos uma pia batismal. Ela é assentada sobre o dorso de doze bois, que são uma representação das doze tribos de Israel. A água da pia batismal é sempre quentinha e agradável, tal qual o sentimento que temos ao entrarmos no templo para trabalhar em favor de nossos antepassados falecidos.

Antes de entrar nas águas da pia batismal há uma preparação que começa muito antes de estarmos no templo. Nós nos preparamos espiritualmente, fazemos história da família e preparamos nomes de nossa árvore familiar para levar ao templo. Todos os membros devem ter uma recomendação para entrar no templo. Essa recomendação é assinada pelo titular da recomendação e também por seus líderes. Quando entramos no templo devemos apresentar essa recomendação. Todos no templo usam roupas brancas – isso mostra que somos todos iguais perante o Senhor. Recebemos também uma toalha para podermos nos secar depois do batismo.

Contudo, o mais incrível de estar no batistério não consigo descrever aqui, pois é um sentimento inexplicável e só quem já sentiu conseguiria compreender o que digo.

Os templos são literalmente a Casa do Senhor. Nenhum outro lugar da terra pode nos proporcionar o que nos proporciona os templos do Senhor. Por meio do batismo vicário realizado nos templos podemos começar a unir nossa família para a eternidade.

Qual seu sentimento com relação ao batistério dos templos?

Relacionado:

Templos e capelas mórmons: tem diferença?