Os alunos que completam o programa Pathway podem ser admitidos na BYU-Havaí

Recentemente a BYU-Havaí e a BYU-Pathway Worldwide anunciaram uma nova parceria. As duas instituições educacionais da Igreja de Jesus Cristo anunciaram que a partir de agora, os alunos que completaram o PathwayConnect da BYU-Pathway e/ou um certificado ou título associado receberão consideração prioritária para admissão na BYU-Havaí.

A BYU-Havaí tem a missão de servir as pessoas nas Ilhas do Pacífico e Ásia, e a BYU-Pathway Worldwide, que teve cerca de 11 mil estudantes nesses locais durante 2020 e 2021, esperam que essa nova parceria ajude a expandir as oportunidades educacionais.

“Nossa parceria com a BYU-Pathway Worldwide nos ajudará a alcançar ainda mais [nosso] objetivo e missão ao racionalizar a admissão na BYU-Havaí, ao mesmo tempo em que permitirá que os alunos se formem com menos tempo no campus”, disse o presidente da BYU-Havaí, John S. K. Kauwe III.

Também pode ser interessante: Os membros da Igreja de Jesus Cristo acreditam no estudo formal?

BYU-Havaí estudantes
Alunos no campus da BYU-Havaí
Foto: Church News

O comunicado de imprensa explica que a capacidade da BYU-Havaí ainda é limitada, então por isso os alunos interessados devem solicitar admissão. No entanto, concluir o Pathway atenderá aos requisitos de admissão da BYU-Havaí na parte acadêmica e no domínio do inglês. (Para solicitar a admissão na BYU-Pathway, os falantes não nativos de inglês devem concluir uma avaliação de proficiência em inglês. Os candidatos que não são aprovados são encorajados a se inscrever no EnglishConnect, um programa de aprendizado de inglês fornecido pela Igreja.)

Com cerca de 253 de dólares por crédito, a mensalidade da BYU-Havaí é drasticamente menor do que em outras universidades. Ainda assim, completar um programa da BYU-Pathway antes de se transferir para o campus de Laie pode ajudar a compensar ainda mais o custo para os alunos nesses locais. A taxa de matrícula da BYU-Pathway Worldwide varia dependendo da localização de um aluno; para um estudante nas Filipinas, por exemplo, a taxa de matrícula é de 16,50 de dólares por crédito.

Foto: Church News

Outros benefícios da BYU-Pathway

A BYU-Pathway também anunciou a bolsa de estudos Heber J. Grant, que oferece aos alunos matriculados no programa de base do PathwayConnect, um desconto de 10%, 25% ou 50% na taxa de matrícula com base na necessidade de um estudante.

Os estudantes da BYU-Pathway também serão elegíveis para a bolsa iWork da BYU-Havaí, que ajuda os estudantes do pacífico sul e leste asiático a pagar a matrícula, taxas e moradia em troca de emprego na BYU-Hawaii ou no Centro Cultural Polinésio

Fonte: Church News

| Notícias

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *