Vamos compartilhar este artigo em comemoração ao aniversário de 150 anos da primeira vez em que o Tabernáculo de Salt Lake foi usado para conferência geral!

Como um dos edifícios mais emblemáticos e esteticamente exclusivos na Praça do Templo ao lado do próprio templo, o Tabernáculo faz parte do patrimônio mórmon há muito tempo. Casa do Coro do Tabernáculo Mórmon e local de encontro para conferência geral por 150 anos, o Tabernáculo sofreu uma grande reforma de 2005-2007 para preservar sua história e durar mais. Muitas pessoas conhecem a estrutura, mas poucos sabem sobre alguns dos detalhes fascinantes, as histórias por trás de sua construção e seu papel no início da história mórmon.

Estrutura

  1. O edifício atual teve como base um conceito de um tabernáculo de lona

    que seria construído perto do Templo de Nauvoo, para acomodar os milhares que vinham ouvir o profeta falar. No entanto, como a perseguição aumentou, o tabernáculo de lona foi abandonado e os materiais foram usados para cobrir os vagões dos santos que estavam indo para o oeste em vez disso.

  2. Uma grande fonte estava instalada no meio da sala 

    de 1875 a meados da década de 1880. A fonte era cercada por quatro estátuas de leões e se destinava a arrefecer os ocupantes do tabernáculo e deixá-los mais confortáveis durante as reuniões.

tabernáculo

O Tabernáculo decorado para o Dia dos Pioneiros. Se você olhar no centro, abaixo do lustre é possível ver a fonte.

 

  1. Os pilares do tabernáculo são feitos de arenito vermelho,

    que foi extraído do Canyon local Red Butte.

  2. Um Batistério foi instalado no porão 

    em 1890, mas ele foi removido na reforma que ocorreu de 2005-2007.

  3. Três talentosos arquitetos mórmons foram comissionados para trabalhar em diferentes partes do edifício:

    Truman Angell, o arquiteto do Templo de Salt Lake, William Folsom, o arquiteto do Templo de Manti e Henry Grow, um engenheiro civil e construtor de ponte experiente.

  4. O Tabernáculo foi construído propositadamente no mesmo eixo Leste-Oeste, como o templo de Salt Lake, 

    para mostrar o seu significado na adoração dos santos.

tabernáculo

Vista exterior do Tabernáculo na década de 1870. Se você olhar cuidadosamente ao fundo, é possível perceber as paredes inacabadas do Templo de Salt Lake do lado direito.

 

  1. Ele recebeu o título de Marco Histórico Nacional e de Marco Histórico Nacional da Engenharia Civil. 

    Outros projetos que receberam esse título foram a ponte Golden Gate e o Canal do Panamá.

  2. O Tabernáculo foi usado pela primeira vez oito anos antes de estar oficialmente terminado e dedicado. 

    Ele foi usado para a conferência de outubro de 1867 e foi dedicado para uso na época por Brigham Young. Quando ele foi concluído em outubro de 1875, John Taylor fez a dedicação oficial.

tabernáculo

O Coro do Tabernáculo Mórmon cantando na frente do pequeno órgão original do Tabernáculo comemorando o estatuto de estado de Utah, em 1896.

  1. O Tabernáculo foi uma das primeiras estruturas em Utah a ser equipada com iluminação elétrica. 

  2. A treliça de madeira original do telhado ainda está lá. 

    Ela foi reforçada com aço para ajudar a manter o prédio seguro ainda preservando os trabalhos originais feitos à mão.

tabernáculo

Perspectiva interna da treliça de tábuas dentro do telhado do Tabernáculo, olhando para baixo.

 

  1. O telhado tem quase 3 metros de espessura.

  2. 1.000 assentos foram retirados durante as reformas 

    quando o espaço para as pernas entre bancos aumentou de 22 centímetros para 35 centímetros. Isso foi feito porque o edifício já não precisava ter capacidade máxima, devido à construção do Centro de Conferências.

Materiais de construção

  1. Ferraduras foram recicladas e usadas para virar pregos e arruelas 

    na fase de construção das treliças de madeira do telhado. Itens como aço e madeira eram escassos, então muitas partes do Tabernáculo foram feitas de materiais reciclados.

tabernáculo

Uma perspectiva de perto das estacas de madeira e articulações unidas com arruelas feitas de ferraduras recicladas.

  1. Mais de 400.000 telhas de madeira individuais foram usadas 

    para construir o primeiro telhado do Tabernáculo, que posteriormente foram substituídos por telhados de estanho. Em 1947, o telhado foi substituído com o alumínio que conhecemos hoje.

  2. Crina de cavalo e pelo de outros animais, como vacas, foram adicionados ao gesso 

    para dar força extra.

  3. 1.500.000 milheiros de madeira foram usados 

    na construção do Tabernáculo.

  4. Os pregos eram escassos, então couro cru e estacas de madeira foram bastante usados 

    para unir as tábuas de madeira que compunham a estrutura do telhado.

tabernáculo

Vista das treliças de madeira do telhado do Tabernáculo. As listras brancas no centro da tábua são pedaços de couro cru, enrolado nas tábuas fracas para estabilizar a estrutura.

  1. Os bancos foram originalmente feitos de pinho branco,

    tingidos para parecer madeira de carvalho mais cara, que não estava disponível aos pioneiros daquela época. Esses bancos de pinho foram substituídos por carvalho de verdade durante as reformas do edifício.

Órgão

  1. Hoje existem 11.623 tubos no órgão. 

    Vários dos 700 tubos originais fazem parte do órgão hoje.

  2. Os tubos visíveis são feitos de madeira, não metal. 

    Ao contrário de muitos tubos de órgão, os tubos do órgão do Tabernáculo eram feitos de pinho ponderosa branco.

tabernáculo

A imagem de um anjo esculpido na parte superior da caixa de órgão do Tabernáculo.

  1. Os tubos de madeira visíveis do órgão foram originalmente pintados de dourado. 

    Mais tarde eles foram cobertos com imitação de ouro e durante as reformas, eles finalmente foram cobertos com folha de ouro de verdade para dar-lhes a aparência brilhante que é sua marca.

  2. O órgão era originalmente funcionava com cinco homens bombeamento foles 

    e mais tarde por uma roda d’água no porão. Hoje, ele funciona à eletricidade.

Usos do Edifício

  1. A Orquestra Sinfônica de Utah inicialmente ensaiou no Tabernáculo 

    até o Abravanel Hall foi construído d o outro lado da rua, em 1979.

  2. O Tabernáculo realizava reuniões sacramentais semanalmente 

    e conferências gerais regulares, bem como eventos culturais e comunitários.

    tabernáculo

  3. Por quase 100 anos ininterruptos, recitais de órgão diários foram feitos no Tabernáculo. 

    Embora eles foram tenham sido interrompidos durante as reformas, os foram retomados quando o edifício foi rededicado e ainda acontecem regularmente até hoje.

Escrito por Jannalee Sandau e traduzido por Luciana Fiallo Alves

Fonte: www.LDSLiving.com

Relacionado:

Tabernáculos Mórmons: Edifícios Religiosos e Comunitários