Candelabros reluzentes, lindas escadarias, tapetes detalhados, belos arranjos florais e salas grandes com tetos altos. Sem dúvida, apreciar a beleza do templo é sempre uma experiência sagrada.

Estão aqui algumas dicas dos decoradores de templos que você pode aplicar em sua casa para tornar seu espaço um refúgio calmo do mundo.

Sala de selamento no templo de Paris França

Uma Sala de Selamento no templo de Paris França. Imagem via mormonnewsroom.org.

Dica Nº 1: Foque no objetivo do espaço

Kathleen Lewis, que faz parte da equipe de decoradores de templos, compartilha que a finalidade da decoração é um tipo da comunicação. “Nos templos e nas casas, é claro, temos as funções necessárias para aquele espaço”, ela afirma, “mas também estamos tentando comunicar algo a qualquer um que entra naquele espaço”.

Ao decorar sua casa, pode ser útil perguntar, “qual é o propósito divino deste espaço? O que estou tentando comunicar àqueles que entram, e o que eu quero que eles sintam?” Focar na finalidade central e vai guiá-lo ao tomar decisões sobre o projeto de sua casa.

Dica Nº 2: Deixe a luz entrar

Um dos aspectos mais belos e simbólicos do templo é a luz. Embora sua casa talvez não possa ter um candelabro de cristal, a iluminação nela pode ter um impacto grande no conforto e na atmosfera total de seu espaço.

A primeira recomendação de Bluth quando se trata de iluminação é simples. “Uma das coisas que realmente toma tempo em uma casa é certificar-se de que as luzes estão limpas, porque a luz brilha muito mais quando todo o seu vidro está limpo”, afirma. “É incrível quantas pessoas não pensam nisso. Mas faz uma grande diferença”.

Vitral do templo de Paris França

Vitral do templo de Paris França. Imagem via mormonnewsroom.org.

Dica Nº 3: Esforce-se para equilibrar brilho e contraste

O uso estratégico do contraste na cor, por exemplo, pode ajudá-lo a chamar a atenção à arte-final que pendura acima do envoltório ao trabalhar para esconder a tubulação no canto da qual você não pode se livrar. “Às vezes não podemos consertar as proporções da sala”, admite Lewis. “Mas com a adição de um contraste de realce ou é possível controlar o impacto do que é visto em sua sala”. Esta estratégia simples pode ajudar os aspectos imperfeitos de sua casa ao realçar as partes que mais importam.

Jesus Cristo - vitral

Quadro de Jesus Cristo em Vitral no templo de Paris França. Imagem via mormonnewsroom.org.

Dica Nº 4: Exponha arte significativa

“Todas as obras de arte no templo servem para nos lembrar dos milagres que Deus realizou e ainda pode realizar”, explica Lewis. Seja demonstrando um milagre da vida do Salvador ou o milagre da criação, cada peça de arte tem um propósito particular. Ela continua: “Quando escolhemos as obras de arte, pensamos não apenas se é algo bonito, mas se realmente é um testemunho do amor de Deus, antiga e eternamente. Assim, qualquer coisa transmita isso em uma casa deve ser muito bem-vinda.

A grande escadaria do templo e Paris França

A grande escadaria do templo e Paris França. Imagem via mormonnewsroom.org.

Dica Nº 5: Use na decoração de sua casa  coisas que fazem você se sentir amado

Embora existam inúmeros princípios de decoração para estudar e seguir, talvez o conselho mais vital quando se trata de decorar a casa é enchê-la com coisas que você ama. “Acho que é extremamente importante para uma casa ser cercada por lembretes de coisas felizes”, Lewis enfatiza.

Embora a decoração dos templos e das casas sejam impressionantes, Lewis nos lembra que impressionar os outros não é o objetivo. “Trata-se de comunicar afeto”, ela testifica. “Afeição por Deus e carinho por quem entra naquele espaço.”

Fonte: LDSLiving

Relacionado:

12 Ideias de Decoração de Natal Divertidas e Baratas