Os líderes da Igreja se reuniram para o funeral de Robert D. Hales em 6 de outubro e compartilharam suas lembranças e palavras de carinho sobre o apóstolo e até uma experiência de quase-morte nunca compartilhada.

O Élder M. Russell Ballard, o Presidente Russell M. Nelson e o Presidente Henry B. Eyring contaram suas experiências com o Élder Hales. Eles recordaram sua “franqueza nova-iorquina e senso de humor maravilhoso” bem como a sua dedicação como apóstolo.

Ao longo de seus mais de 40 anos de serviço na Igreja, ele seguiu o Senhor não importando o preço, até mesmo desistiu da sua carreira de negócios para tornar-se presidente de missão.

Menções

“Ele era uma lenda em seu ramo no mundo dos negócios com 42 anos de idade, mas então recebeu um telefonema do profeta de Deus”, disse o Presidente Eyring.

O desejo mais profundo do Élder Hales era “valorizar e cuidar de Mary”, sua esposa, disse o Presidente Nelson.

Quando correu o risco de perder um mestrado para servir no chamado de presidente do quórum de élderes da ala, Mary demonstrou sua fé no Senhor ao lado do marido, dizendo: “Prefiro ter um portador do sacerdócio ativo do que um marido com mestrado de Harvard”.

Durante as últimas décadas de sua vida e durante seu tempo como apóstolo, o Élder Hales sofria de complicações de saúde e em 1991, sofreu um ataque cardíaco.

Geralmente sentado ao lado dele na conferência geral, o Élder Ballard compartilhou a profundidade da devoção que o Élder Hales tinha mesmo enfrentando problemas de saúde.

“Testemunhei a grande coragem e dedicação completa de Robert D. Hales”, ele diz. “Muitas vezes eu estendi a mão, toquei-lhe o braço e segurei sua mão. De certa maneira, senti a dor e a dificuldade pela qual ele estava passando”.

O Élder Nelson também tinha uma conexão especial com o apóstolo. Ele esteve ao lado do cirurgião que realizou a cirurgia de peito aberto.

“Conheço o coração de Bob literalmente”, disse o Élder Nelson. “Sei que seu coração espiritual é puro”.

A Experiência de Quase-Morte do Élder Hales

Apesar de algumas pessoas saberem que o Élder Hales sofria de problemas de saúde, muitos não sabiam de uma experiência de quase-morte que o Presidente Eyring compartilhou.

“Fui chamado ao hospital em uma tarde de verão com a informação de que ele chegaria logo de ambulância”, ele compartilhou. “Fiquei sabendo que ele estava jogando golfe e sentiu que algo estava errado. Seus parceiros de jogo, conhecendo seu histórico de problemas do coração, disseram-lhe que fosse para o hospital. Ele se recusou. Ele queria terminar o jogo, o que ele fez. Mas não estava tudo bem.

“Eu estava com a Mary no hospital quando ele foi trazido. Fiquei com ela enquanto levaram-no aparentemente inconsciente para uma sala adjacente. O médico veio dizer que ele temia o pior. Pude ver através da porta que o corpo médico estava tentando salvá-lo. Depois de algum tempo, o médico saiu e me pediu para ir ver o Élder Hales. Ele estava deitado de costas. Ele arregalou os olhos, estendeu a mão para alcançar a minha, agarrou bem forte e disse: ‘Eles me fizeram voltar’.

Mais tarde, ele me disse que não tinha nenhuma recordação daquele momento. Não sei se ele esteve morto por um breve momento naquela tarde ou se foi um sonho. Mas sei do seguinte: ele sentiu, num momento de intensos testes, que ele deveria fazer algo difícil e ele foi leal ao comando que recebeu. Para mim, foi mais um momento, apenas um dos muitos que tive com ele quando fosse qual fosse o preço e não importando o grau de dificuldade do comando, ele foi leal à sua família e aos amigos, ao Senhor e ao profeta do Senhor”.

O Presidente Eyring também mencionou que essa experiência de quase-morte nunca havia sido compartilhada antes.

Uma Vida de Devoção

Durante toda sua vida, o Élder Hales demonstrou completa lealdade ao Senhor. Seja recebendo chamados, arriscando um mestrado ou abandonando uma carreira de negócios bem-sucedida, o Élder Hales mostrou seu amor pelo Senhor e ao próximo.

No final de sua vida, ele deu até mesmo sua última porção de força para os outros e seu chamado como apóstolo.

“Vi aquele amor e lealdade apenas algumas semanas atrás”, disse o Presidente Eyring. “O Élder Hales estava preparando o discurso que ele foi designado a dar na conferência geral. Ele queria compartilhar a certeza de seu testemunho do Senhor Jesus Cristo mais uma vez com todo seu coração. O esforço foi tão grande que suas forças começaram a falhar. Ele tinha ido até o limite e além de sua capacidade terrena para manter seu compromisso de servir ao Senhor. Vi em seu exemplo novamente a veracidade de que ‘Ninguém tem maior amor do que este, de dar a sua vida pelos seus amigos’.”

Escrito por LDS Living Staff e traduzido por Luciana Fiallo Alves.

Fonte: www.ldsliving.com

Relacionado:

Élder Andersen Compartilha Mensagem do Élder Hales no Último Discurso da Conferência Geral