Comentários sobre 1 Néfi 8 – A Visão da Árvore da Vida #13

árvore da vida

Estamos estudando o Livro de Mórmon todo, conforme o pedido o Presidente Russell M. Nelson e da Presidência de Área do Brasil, que lançou um desafio a todos os membros da Igreja do país para terminarem a leitura do Livro de Mórmon até dezembro. Neste artigo comentamos 1 Néfi 8

Resumo

Em 1 Néfi 8, Leí conta sua visão da árvore da vida. Na visão, Leí partilha do fruto da árvore, que representa o amor de Deus e as bênçãos que podemos receber por meio da Expiação de Jesus Cristo. São mostrados a Leí diversos grupos de pessoas. Alguns se perderam e não chegaram até a árvore. Outros se envergonharam depois de partilhar do fruto da árvore, foram por caminhos proibidos e se perderam. Outros seguraram firme a barra de ferro, partilharam do fruto e permaneceram verdadeiros e fiéis. Outro grupo escolheu não buscar o caminho da árvore da vida de maneira alguma.

Neste capítulo, Léi tem a famosa Visão da Árvore da Vida. Entretanto, como os significados de cada elemento são melhores explicados por Néfi no capítulo 11, falaremos então sobre seu significado usando algumas referências da visão de Néfi.

“Lehi’s Dream,” por Steven Lloyd Neal

Os Elementos

A árvore da vida e seus frutos brancos: Representam o amor de Deus, que Ele demonstrou enviando Seu Filho, Jesus Cristo, para ser nosso Salvador.

O rio de água imunda: Representam as profundezas do inferno, onde caem os iníquos.

A barra de ferro: A palavra de Deus, que leva à árvore da vida.

A névoa de escuridão: As tentações do diabo, que cegam as pessoas de forma que elas se perdem e não conseguem encontrar a árvore.

O grande e espaçoso edifício no ar: O orgulho e as vãs fantasias do mundo, que não tem um alicerce seguro.

As Pessoas

Primeiro Grupo: Algumas pessoas começam a seguir o caminho para a árvore da vida, mas perdem-se no nevoeiro. Essas são as multidões que ouviram as palavras de Jesus Cristo, mas O rejeitaram. Elas não perseveraram até o fim.

Segundo Grupo: As pessoas que chegaram à árvore (e comeram do fruto) apegando-se à barra, mas diante da zombaria vindo das pessoas que estavam no grande e espaçoso edifício, desviaram-se.

Terceiro Grupo: As pessoas que desejavam chegar ao edifício grande e espaçoso mais do que chegar à árvore.

Quarto Grupo: As pessoas que apegaram-se à barra e comeram do fruto sem dar atenção às zombarias, essas não se perderam. Elas são os que participaram do maior de todos os dons de Deus, que é a vida eterna.

encontrar

Nossas Escolhas

Em um devocional para os jovens adultos solteiros com o Presidente Marcos A. Aidukaitis, diversas pessoas fizeram perguntas sobre as escolhas que deveriam fazer em diversas situações. O presidente frequentemente respondia: “Depende de qual reino de glória você quer ir.” Então ele falava sobre cada possível escolha e qual consequência. Podemos ver isso no relato da visão da Árvore da Vida. As pessoas fizeram várias escolhas, mas qual delas levava ao Reino Celestial?

Neal A. Maxell disse:

“Tudo o que desejamos insistentemente, com o tempo, passa a ser aquilo em que nos tornaremos e o que receberemos na eternidade. (…) Somente ao educar e treinar nossos desejos é que podemos torná-los nossos aliados, e não nossos inimigos!”

Se não formos proativos em fazer nossas escolhas, o grande e espaçoso edifício fará essa escolha por nós.

Nosso Salvador Jesus Cristo

A maior escolha que fazemos nesta vida é seguir Jesus Cristo. Ele preparou um caminho simples para que nós possamos nos achegar a Ele e receber todas as bençãos prometidas pelo Pai Celestial. Ele sofreu por nós para que possamos partilhar de seu amor e felicidade sem fim.

“A árvore da vida (…) é o amor de Deus. A mais profunda expressão do amor de Deus a Seus filhos é a entrega de Jesus para ser nosso Redentor: ‘Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito’ ( João 3:16). Participar do amor de Deus é ter parte na Expiação de Jesus e na liberdade e alegria que ela nos pode dar.” – Neal A. Maxwell.

A melhor forma de conhecer nosso Salvador e o que ele espera de nós é através das escrituras.

A importância das Escrituras

A barra de ferro, representando a palavra de Deus, deixa claro o que precisamos fazer para chegar até a Árvore da Vida.

“Acho que agarrar-se à barra de ferro tem a ver com o uso fervoroso e constante de todas as três maneiras de se obter a água viva que discutimos nesta noite [ler, estudar e pesquisar]. (…) O uso regular de todos os três métodos produz um fluxo mais constante de água viva, sendo esse o significado de agarrar-se à barra de ferro. (…) Será que estamos lendo, estudando e examinando as escrituras diariamente de um modo que nos permita agarrar-nos à barra de ferro?” – David A. Bednar

Antes de vir para essa terra nós prometemos ao nosso Pai Celestial que seríamos obedientes. Quando lemos as escrituras em espírito de oração nós lembramos o real propósito desta vida e sentimos o que Deus quer que nós façamos. Entretanto, a névoa de escuridão se ergue:

“Satanás quer controlar seu arbítrio para que possa controlar o que vocês vão se tornar. Ele sabe que uma das melhores maneiras de fazer isso é enredá-los em um vício. Suas escolhas determinam se a tecnologia vai lhes dar poder ou vai escravizá-los.” – Randall L. Ridd

Há diversas maneiras de nos distrairmos do caminho que leva ao nosso verdadeiro lar. Que possamos nos agarrar a barra de ferro com todas as forças. Nossos líderes nos deram esse desafio de ler o Livro de Mórmon até dezembro. Que todos nós alcancemos as bençãos que nos esperam por cumprir este desafio.

Leia

Em cada capítulo do Livro de Mórmon há uma reserva infinita de revelações personalizadas para sua vida, que você pode receber ao ler sob a influência do espirito. Não espere mais, faça uma oração e leia 1 Néfi 8 em sua totalidade.

Relacionado:

https://mormonsud.net/livro-de-mormon/1-nefi-7-suscitar-descendencia/

| Livro de Mórmon
Publicado por: Robson Lampert Severo
Robson L. Severo dirige os esforços da organização More Good Foundation nos países falantes de língua portuguesa. @robsonlsevero
casamento real
O Casamento Real, Mórmons e o Amor: O que precisamos saber e fazer
jordan river
Templo de Jordan River é rededicado depois de reforma

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *