Como nós devemos agir caso haja um ataque terrorista nos Jogos do Rio 2016?

Rio de janeiro olimpíada 2016

A revista EXAME publicou ontem que terroristas divulgaram “manual” para ataques nos Jogos do Rio, o manual constava com métodos como envenenamento e locais como transportes públicos. Além disso, hoje cedo (21 de Julho) a Polícia Federal prendeu grupo que preparava atos terroristas para as Olimpíadas, tendo eles sido recrutados pelo Estado Islâmico pela internet. Como membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, o que poderemos fazer caso realmente ocorram atentados no Rio de Janeiro?

ORAÇÃO

oração

A oração pode fazer com que milagres aconteçam! Não esperemos um atentado ocorrer para pedir ajuda ao Senhor!

Não precisamos esperar um atentado ocorrer para orarmos pela proteção das pessoas. O falecido e amado Elder Richard G. Scott ensinou: “Será que podemos realmente compreender o imenso poder da oração sem termos de enfrentar um problema esmagador e urgente?”.

Também gosto muito da história de Elias, relatada no quinto capítulo de Tiago, onde aprendemos que: “Elias era homem sujeito às mesmas paixões que nós, e orando, pediu que não chovesse; e por três anos e seis meses não choveu sobre a terra. E orou outra vez, e o céu deu chuva, e a terra produziu o seu fruto.”

Milagres podem ocorrer se orarmos fervorosamente. Talvez pensemos “mas, esse problema no Rio é culpa do Governo, ou culpa de fulano, eles que resolvam!” Mas, essa não é uma atitude condizente com o Evangelho de Jesus Cristo.

Lembremos da conversa entre o Senhor e Caim relatada no livro de gênesis: “E disse o Senhor a Caim: Onde está teu irmão Abel? E ele disse: Não sei; sou eu guardador do meu irmão?”

Sim, nós somos guardadores dos nossos irmãos de todas as partes do mundo que estarão no Rio. Não é apenas uma responsabilidade do Governo, ou do Exército, mas de todos nós, como membros da Igreja, fazermos nosso melhor para zelar pelo bem estar destas pessoas. Orar com fé é o mínimo que podemos fazer por eles, e é algo imenso!

PLANO DE EMERGÊNCIA

O que aconteceria se sua casa começasse a pegar fogo agora? O que você faria se seus amigos e familiares perdessem suas casas devido a algum desastre natural? Como os ajudaria? O que você faria se um atentado terrorista ocorresse durante os Jogos no Rio?

Mãos que Ajudam

Precisamos estar preparados para estender a mão a aqueles que necessitam. Você possui um plano de emergência?

Há uma parte do LDS.org dedicada a o que a Igreja chama de Plano de Emergência, onde a Igreja incentiva a prepararmos um plano simples como família, Ala e Estaca. A igreja aconselha a prepararmos:

  • Suprimento para três meses de alimentos que façam parte de sua dieta diária normal;
  •  Água potável;
  •  Reserva financeira;
  •  Suprimento de longo prazo de alimentos básicos;
  •  Medicamentos e suprimentos para primeiros socorros;
  •  Vestuário e roupas de cama;
  •  Documentos importantes;
  •  Meios de comunicar-se com familiares depois de uma catástrofe.

Não importa onde você more, é muito importante ter um plano de emergência e oramos para que tudo ocorra bem nos jogos no Rio, porém, caso algum desastre ocorra, precisamos estar preparados para ajudar as famílias e pessoas que sofrerem lá, enviando comida, roupas, medicamentos ou até mesmo realizando doações financeiras.

NÃO CULPAR NINGUÉM

Jesus Cristo

Nosso papel não é o de julgar e sim de socorrer e ajudar.

Culpar as pessoas pelos problemas é uma fraqueza e tendência do ser humano, mas é contrário aos ensinamentos do Senhor. Em Doutrina e Convênios o Senhor nos ordena que: “Cessemos de achar faltas uns nos outros”. Se um atentado ocorrer, não ajudará culpar o Governo, o comitê organizador, a polícia ou o exército. Como povo do Senhor, não devemos julgar, e sim socorrer e ajudar. Que nossas publicações nas mídias sociais não sejam ofensivas, mas sim construtivas.

Estar preparado para um atentado ou um desastre não é pessimismo, e sim sabedoria. Esperamos sinceramente que os Jogos no Rio ocorram em paz, mas caso um ataque terrorista aconteça, como você irá ajudar?

| Santos no Brasil
Publicado por: Viccenzo Benatti
Mórmon, marido e pai, Viccenzo serviu na Missão Brasil Goiânia e isso mudou sua vida completamente. É especialista em marketing digital e é apaixonado por aprender e ensinar.
profetas mórmons
Falibilidade dos Profetas: eles erram?
casal
Qual a melhor idade para se casar

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *