O livro de mórmon foi escrito entre os anos 600 A.C. e 400 D.C.. Como um livro tão antigo poderia ajudar as famílias nos dias modernos? Veja alguns exemplos de aprendizados que podemos ter com esse precioso livro.

Filhos

Uma pessoa bem conhecida do Livro de Mórmon, é o rei Benjamin. O Rei Benjamin ensinou muito claramente:

“Não permitireis que vossos filhos (…) briguem e disputem entre si (…). Ensiná-los-eis, porém, a andarem nos caminhos da verdade e da sobriedade; ensiná-los-eis a amarem-se uns aos outros e a servirem-se uns aos outros” (Mosias 4:14-15)

Que valioso conselho!

Paternidade

Outro ponto muito interessante no Livro é a instrução que Leí ganhou de seus pais. Lemos em 1 Néfi 1:1:

“Eu, Néfi, tendo nascido de bons pais, recebi, portanto, alguma instrução em todo o conhecimento de meu pai.”

Aprendemos com esse simples versículo que instruir nossos filhos é algo extremamente valioso e importante. Eles levarão isso consigo por toda sua vida.

Maternidade

E não somente a figura paterna é mencionada no livro, bem como também a figura da mãe: “eles tinham sido ensinados por suas mães que, se não duvidassem, Deus os livraria”. (Alma 56:47).  A presença materna sempre foi importante e no livro de Mórmon não foi diferente.

O impacto que as mulheres como mães causam, é sentido em nossa a nação, em todas as áreas.

Hábitos familiares

Outro ponto valioso que aprendemos no Livro de Mórmon é orar em família.

“Orai ao Pai no seio de vossa família, sempre em meu nome, a fim de que vossas mulheres e vossos filhos sejam abençoados.” (3 Néfi 18:21)

As noites familiares, por exemplo, quando realizadas todas as semanas, podem unir os membros de nossa família de uma forma que jamais imaginamos.

O Livro de Mórmon tem ainda muitos outros conselhos valiosos para nossa família. O que você pode aprender no Livro de Mórmon sobre as famílias? Compartilhe conosco.

Livro de Mórmon e a Frase "E aconteceu que"

O que é o Livro de Mórmon?

“O Livro de Mórmon – Outro Testamento de Jesus Cristoé a palavra de Deus, assim como a Bíblia. É escritura sagrada, com forma e conteúdo semelhantes à Bíblia. Os dois livros contêm a orientação de Deus conforme revelada aos profetas bem como histórias religiosas de diferentes civilizações. Enquanto a Bíblia é escrita para e sobre as pessoas da terra de Israel e imediações e abrange da criação do mundo até pouco depois da morte de Jesus Cristo, o Livro de Mórmon contém a história e os procedimentos de Deus com o povo que viveu nas Américas aproximadamente entre 600 AC e 400 DC. Os profetas do Livro de Mórmon registraram a comunicação de Deus com Seu povo, que foi compilada por um profeta chamado Mórmon, em placas de ouro.

Antes de esses fiéis cristãos perecerem, seu registro foi escondido para sua segurança. Joseph Smith obteve esses registros em 1827 e com o dom e poder de Deus foi capaz de traduzir os escritos antigos para o que temos hoje. O Livro de Mórmon, junto com a Bíblia, testifica que Jesus Cristo é nosso divino Redentor e que, vivendo de acordo com Seu evangelho, podemos encontrar paz nesta vida e felicidade eterna na vida vindoura”.

Relacionado:

O Que O Livro de Mórmon Ensina Sobre Vestir a Armadura de Deus?

Como o Livro de Mórmon Pode Responder Minhas Perguntas Pessoais?