Por Gale Boyd

A nossa família tem se mudado muitas vezes, e nós nos consideramos quase nômades. Temos vivido em algumas casas encantadoras tanto nos EUA como no exterior. Já vivemos num porão inacabado de um vizinho e em apartamentos pequenos demais para nós. Atualmente, a maioria dos cômodos em que vivemos foram alugados. Mas tudo bem. TODAS as habitações terrenas são temporários.

Nossos líderes nos aconselharam a tratar as nossas habitações temporárias como se fossem permanentes – ao estabelecer-se, fazer dela uma casa de ordem, criando beleza e harmonia, e melhorando o nosso ambiente.

Uma coisa que fazemos sempre que nos mudamos é dedicar nossa casa. Nós só sentimos que realmente nos mudamos quando dedicamos nossa casa.

Aqui estão algumas diretrizes que você pode seguir para dedicar o seu próprio lar. Algumas mudaram ao longo dos anos, conforme nossos líderes receberam orientação espiritual para nossas circunstâncias.

1. Nenhuma Moradia é Temporária ou Humilde Demais que Não Possa Ser Dedicada.

Pessoalmente, eu dedicaria uma tenda em um campo de refugiados, uma cabana em um acampamento de verão, um trailer que usaria em minhas viagens após se aposentar, um quarto do dormitório da faculdade. Eu quero o Espírito do Senhor comigo onde quer que eu viva.

Por exemplo, quando os missionários formam uma nova dupla eles podem dedicar seu apartamento. Isso significa que um apartamento pode ser dedicado várias vezes. Suas dedicatórias invocam a proteção de Deus e os sussurros do Espírito para que a harmonia e a inspiração estejam em sua companhia e em seu trabalho missionário.

Dedicação do Lar

Imagem via LDS.net.

2. A Sua Morada Não Precisa Ser Quitada Para Ser Dedicada.

Parece que nos “velhos tempos” não era esse o caso. Muitas pessoas conseguiam pagar por suas casas, e elas tendiam a ficar em uma casa por um tempo muito longo. Essa não é a situação atual. Você pode dedicar sua casa, mesmo antes do primeiro pagamento ser feito; você pode dedicar uma casa ou apartamento, mesmo se você pretende viver lá somente num curto período de tempo. Dedique qualquer casa em que for morar, mesmo uma casa de verão.

Dedicação do Lar

Imagem via realestatecities.net.

3. Dedicar um Lar é Uma Ordenança do Sacerdócio de Melquisedeque, mas Você Não Precisa de um Portador do Sacerdócio no Lar.

Esta é uma ordenança do sacerdócio, e uma casa é geralmente dedicada pelo poder da autoridade do sacerdócio de Melquisedeque de seu lar. Mas e se não houver um portador do sacerdócio disponível no lar?

Se nenhum portador do Sacerdócio de Melquisedeque viver em seu lar, então a família pode convidar um mestre familiar, um parente, um missionário Mórmon (Élder), ou qualquer outro Élder. Quando nenhum portador do Sacerdócio de Melquisedeque está disponível, a família pode se reunir e oferecer uma oração que inclui os princípios do item 4. Outras ideias podem ser adicionadas, se forem solicitadas pelo Espírito.

Dedicação do Lar

Imagem via LDS.net.

4. Casas Não São Consagradas ao Senhor.

Templos são dedicados e consagrados ao serviço de Deus como lugares sagrados, mas as casas em que vivemos também pode ser edifícios sagrados, embora não consagrados. Um edifício sagrado (nossa casa) pode ser um lugar onde “o Santo Espírito pode residir e onde a família pode adorar, encontrar refúgio do mundo, crescer espiritualmente e preparar-se para o relacionamento familiar eterno”. (Manual 2).

Nós gostamos de dedicar nosso lar para nos comportarmos como nos comportamos no templo santo. Uma vez um grande grupo de atletas do ensino médio (de uma escola particular na Síria; nós estávamos vivendo em Chipre) ficaram com a gente por vários dias. Nenhum era mórmon, e ninguém sabia nada sobre a nossa fé, mas depois de interagir um pouco com nossos filhos, eles mudaram seu linguajar. Uma das nossas crianças ouviu um atleta dizer: “Você não pode usar essas palavras ruins aqui. Esta casa é dedicada”.

Dedicação do Lar

Imagem via LDS.net.

5. Nenhuma Permissão é Necessária Para Dedicar a Sua Casa.

Você não precisa pedir ao seu bispado ou presidência do ramo antes de reunir-se para dedicar a sua casa. Siga seus instintos e o Espírito. Se você sentiu que se estabeleceu, então está pronto para dedicar sua habitação. (Para nós, é quando todas as caixas estão desempacotadas!)

Aqui estão os passos para dedicar um lar:

  1. Converse sobre dedicar o seu lar com os membros da família, companheiros missionários, ou colegas de quarto. Nas famílias, isso pode ser feito numa Noite Familiar.
  2. Decida nessa conversa como o lar será dedicado. Como é que as pessoas se comportam em uma casa dedicada? Quais serão os seus próprios padrões pessoais em sua casa dedicado? Que tipos de comportamentos vocês permitirão que os convidados tomem? Como será o uso da TV, vídeos ou outros meios de comunicação?
  3. Incluir um portador do sacerdócio nesta discussão, para que seus desejos espirituais sejam incluídos na sua oração dedicatória.
  4. Decidir quando você vai dedicar a sua casa. Nós geralmente dedicamos nossa casa durante uma Noite Familiar.
  5. Convide parentes ou amigos próximos para participar, mas isso não deve ser uma ocasião social; isso deve ser algo íntimo.
  6. Realize a dedicação, seja realizada por um portador do Sacerdócio de Melquisedeque ou pelas pessoas que moram na casa, como uma oração da fé.

Traduzido por Esdras Kutomi.

Saiba mais sobre o tema.