Líderes dos Emirados Árabes comentam sobre o anúncio do Templo de Dubai

Ao anunciar os planos para a construção de novos templos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, o Presidente Russell M. Nelson anunciou um templo em Dubai, Emirados Árabes Unidos.

“O plano para o templo de Dubai vem em resposta a um gentil convite, que reconhecemos com gratidão” ele disse.

O país é um exemplo de tolerância e inclusão religiosa desde sua fundação em 1971. A vida dos mais de 1600 membros que residem no país será abençoada pelo Templo, onde poderão renovar seus convênios e trabalhar na obra vicária por seus antepassados.

De acordo com informações oficiais da Igreja, “o Templo de Dubai será o primeiro a ser construído no Oriente Médio e servirá milhares de Santos dos Últimos Dias que vivem em duas estacas do Golfo Pérsico e vários distritos de membros no Oriente Médio, norte da África, leste da Europa e oeste da Ásia.”

A Igreja agradeceu aos Emirados Árabes Unidos pelo seu compromisso de ser “um lugar aberto a todas as formas de fé.” Em sua conta oficial no Twitter, a Igreja publicou:

“Obrigado a todos que trabalharam diligentemente para tornar a construção do templo em Dubai possível. Somos gratos pelo comprometimento de fazer dos Emirados Árabes Unidos um lugar aberto a todas as formas de fé, e temos o prazer de fazer parte dessa vibrante comunidade inter-religiosa”

A embaixada dos Emirados Árabes Unidos nos Estados Unidos Unidos parabenizou o Presidente Nelson e a Igreja pelo anuncio dos planos da construção do templo em Dubai e publicou:

“Os EAU saúdam esse importante marco. Essa nova casa de adoração se juntará a diversas outras religiões nos Emirados Árabes Unidos, onde damos boas-vindas às congregações multinacionais e construímos casas de adoração em todo o país.”

O ministro assistente de assuntos culturais dos Emirados Árabes, Omar Saif Ghobash comemorou a notícia sobre o Templo de Dubai e compartilhou em sua conta no Twitter:

“Nossa abertura para todas as religiões continua desimpedida. Ótimas notícias.”

Hend Al Otaiba, diretora de comunicações estratégicas dos Emirados Árabes Unidos no Ministério de Relações Exteriores do país, também compartilhou a notícia em seu Twitter:

“Os EAU têm orgulho de receber a comunidade dos Santos dos Últimos Dias para adorar junto com a futura construção de um templo em Dubai. O templo será o primeiro da Igreja no Oriente Médio, simbolizando o espírito de tolerância e união entre as religiões sobre o qual os Emirados Árabes Unidos foram fundados.”

Fonte: Deseret News

Recomendado: 

Verdadeiramente inesquecível: 12 razões pelas quais a Conferência Geral de abril 2020 foi histórica

| Templos

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *