Papeleta do Dízimo

Imagem via mormon.org.

Este artigo publicado originalmente no site mormon.org.

Dez por cento na compra de um produto numa loja parece pouco. Mas e a doação de dez por cento de sua renda, pelo resto de sua vida? Dez por cento pode parecer muita coisa! E mesmo assim os Mórmons em todo o mundo cumprem essa lei. Por quê? Bem, eles fazem isso porque é um dos mandamentos de Deus e eles acreditam que vão receber as bênçãos se forem obedientes, mas o maior motivo é o amor a Deus e a Seus filhos.

Quem está pedindo?

Quem pede pelos dez por cento faz a diferença em nossa vida, e se Deus nos pede para fazer alguma coisa, é melhor fazer. Mórmons doam dez por cento de sua renda como dízimo (a palavra “dízimo” vem de “um décimo”) para A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias a cada ano, porque eles acreditam que Deus assim os ordenou. Obedecer a esse mandamento mostra o amor por Ele e traz bênçãos tremendas.

Um Mandamento com bênçãos

O princípio do dízimo não é novo; é uma lei que o povo de Deus tem obedecido desde os tempos bíblicos. Em Malaquias 3:10 diz: “Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e provai-me nisto, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal, até que não haja mais lugar para a recolherdes.” Que promessa! Sempre que Deus dá um mandamento, Ele promete bênçãos para os que guardam o mandamento, e o dízimo não é uma exceção. Neste versículo, é quase como se Deus estivesse dizendo: “Veja – tente guardar isso uma vez e veja se Eu não te darei bençãos até que você não consiga recebê-las todas”, e Suas promessas podem ser cumpridas de forma dramática. Há relatos de milagres em que pessoas receberam ajuda financeira no momento em que mais precisavam.

No entanto, como o Élder David A. Bednar do Quórum dos Doze Apóstolos observou recentemente, as bênçãos do dízimo podem ser muito mais sutis, mas tão significativas quanto. Por exemplo, ele diz, “Podemos esperar uma oferta de emprego, mas a bênção que recebemos pelas janelas do céu pode nos dar maior capacidade de agir e de mudar nossas próprias circunstâncias em vez de esperar que elas sejam mudadas por outra pessoa ou por outra coisa”. Deus vai cumprir as promessas de “derramar sobre nós uma bênção” da maneira que Ele achar adequada – muitas vezes da maneira que nos trará maior crescimento espiritual.

Amor a Deus e ao Próximo

O dízimo é mais do que apenas receber bênçãos, no entanto. É uma forma importante de guardar os maiores mandamentos – amar a Deus e ao próximo. Nós mostramos nosso amor por Deus guardando o seu mandamento e dando livremente o que já é seu, e nós mostramos o amor por nossos semelhantes fornecendo meios financeiros para cuidar dos necessitados e promover o trabalho de Deus em todo o mundo. Doações são dadas em particular e voluntariamente, mas aqueles que optam por obedecer a esse mandamento são recompensados ricamente por Deus. Aqueles que obedecem a lei do dízimo exercitam e desenvolvem a fé em Jesus Cristo.

Então, por que os mórmons pagam o dízimo? Por causa de nossa fé e amor a Deus, que nos dá todas as coisas. À medida que obedecemos aos mandamentos de Deus e confiamos na graça de Jesus Cristo, sentimos a paz e a alegria que vem de saber que nossa vida é aceitável diante de Deus e que um dia viveremos com Ele novamente.

Para obter respostas para perguntas frequentes sobre o dízimo, clique aqui.

 

Artigo original em mormon.org. Traduzido por Esdras Kutomi.