Lamã e Lemuel

Os heróis são personagens da mitologia grega conhecidos por sua capacidade excepecional de superar um problema, geralmente eles são os protagonistas das narrativas. Os anti-heróis por sua vez realizam justiça por motivos egoístas, elas são o antônimo de toda ideia que se pode ter de um herói.

lamã e lemuel

Lamã e Lemuel amarram seu irmão Néfi.

A história do Livro de Mórmon se inicia com um relato de uma família marcada pela divisão de seus irmãos entre heróis e anti-heróis. Néfi e Sam escolheram seguir os conselhos de seu pai que era o profeta da igreja naquela época. Lamã e Lemuel optaram pelo caminho da desobediência.

O contraponto proporcionado pela trajetória de Lamã e Lemuel faz com que eles sejam não meros coadjuvantes mas personagens centrais. Através deles se pode desenvolver a perspectiva do anti-exemplo. A ideia daquilo que não deve ser feito e a maneira que não se deve agir. Veja a seguir algumas das lições que se pode aprender com Lamã e Lemuel:

Não compreendiam os procedimentos do Senhor

“E assim Lamã e Lemuel, ( … ) murmuravam por desconhecerem os procedimentos daquele Deus que os havia criado”. (1 Néfi 2:12. Ver também Mosias 10:14.)

Lamã e Lemuel falavam mal do Senhor, se lastimavam e lamentavam os acontecimentos de sua vida. Censuravam ocultamente as advertências que eram proferidas por seu pai e por seu irmão. Não aceitavam a repreensão e a correção.

lamã e lemuel

Néfi prega arrependimento aos seus irmãos Lamã e Lemuel.

Um estudo realizado pela Universidade de Stanford nos Estados Unidos chegou a conclusão de que reclamar danifica os neurônios. Outro estudo feito pela Universidade de Illinois concluiu que o otimista tem o dobro de chance de ter um coração saúdavel que um pessimista.

Uma das lições que se aprende de Lamã e Lemuel é que murmurar é uma atitude improdutiva pois não te ajuda a resolver os problemas e não te faz mais feliz. Ao contrário é algo que te afasta do espírito e consequentemente torna mais difícil sentir o amor que o Senhor tem por você.

Não procuravam o Senhor como deviam

“Se os homens não compreendem o caráter de Deus, não entendem a si próprios”. (Ensinamentos do Profeta Joseph Smith, p. 335.)

Compreender implica reconhecer o sistema de referências de alguém. Aquele que compreende consegue fazer uma relação entre as causas e consequências. Quando se diz que Lamã e Lemuel não compreendiam o caráter de Deus o que se diz é que não aceitavam  por exemplo que Deus é um Deus  de revelação. Tentavam se convencer de que os milagres somente existiram no passado e que estes já não acontecem hoje em dia.

Eles não aceitavam que o Senhor é um pai amoroso e ao mesmo tempo rigoroso. Não queriam aceitar nenhuma doutrina que fosse ensinada pelos profetas porque preferiam atuar segundo a sua própria vontade.  A escolha de atuar em essa maneira levou Lamã e Lemuel a se tornarem espiritualmente insensíveis a um ponto de não aceitarem nenhuma crítica e correção. Não desejavam fazer nenhuma tarefa que fosse difícil.

A dureza de coração de Lamã e Lemuel provocou a divisão da família de Leí em dois povos os lamanitas e nefitas.

Não tinham o  Espírito Santo como companheiro

A proteção de anjos é real para os membros SUD da Igreja de Jesus Cristo

Lamã e Lemuel viram a um anjo e nem assim se arrependeram.

“Apareceu um anjo do Senhor que, pondo-se à frente deles, lhes disse” (1Néfi 3:29)

Lamã e Lemuel acreditavam que era preciso a manifestação de milagres constantes para que eles pudessem crer em algo. O Senhor os proporcionou em várias ocasiões de suas vidas estes milagres. Viram anjos, viram o mar se acalmar pelo poder da palavra de seu irmão Néfi. Estas experiências “grandes” não foram o suficiente para alicerçar um testemunho em Lamã e Lemuel.

Faltava-lhes a constância das coisas “pequenas”. Não oravam, não procuravam compreender as escrituras. Não eram obedientes. Não pagavam o preço de estabelecer um relacinamento pessoal com o Senhor.

Ao fazer tantas coisas ruins e deixar de fazer tantas coisas boas, Lamã e Lemuel não tinham a companhia do Espírito Santo e sentiam-se completamente perdidos em todos os momentos de provações.


Fontes

Lições de Lamã e Lemuel. Élder A. Maxwell, Outubro de 1999. (clique aqui).

Estudo realizado pela Universidade de Illinois. (aqui)

O Livro de Mórmon. (aqui)