Em abril de 2000, a Igreja passou a usar um moderno e grande edifício para as Conferências Gerais e outra reuniões. Foi chamado de “Centro de Conferências”.

Por muitos anos a Igreja utilizara o Tabernáculo, na Praça do Templo, mas com o crescimento acelerado um novo local precisava ser construído. Em 1997 (24 de julho de 1997 – aniversário de 150 da chegada dos primeiros pioneiros ao vale do Lago Salgado) a Igreja decidiu construir um novo edifício.

Na primeira sessão da Conferência Geral de abril de 2000, o Presidente Gordon B. Hinckley, presidente da Igreja na ocasião, relembrou:

“A visão de um novo recinto estava clara. Estudaram-se vários projetos arquitetônicos. Após algum tempo, escolheu-se um. Incluía uma estrutura imensa para acomodar 21.000 pessoas e um auditório para outras mil. Não haveria pilares interiores que bloqueassem a visão do discursante. Haveria árvores e água corrente no telhado.”

Depois ele disse:

“Ainda não sabíamos na época, mas em 1853 Brigham Young falava de templos e disse: “Chegará o dia em que … construiremos …, sobre o topo, bosques e viveiros de peixes”. (Deseret News Weekly, 30 de abril de 1853, p. 46)

Em 1924, o Élder James E. Talmage, do Conselho dos Doze, escreveu: “Há tempos antevejo a possível construção de um grande pavilhão ao norte do Tabernáculo, com capacidade para talvez 20.000 pessoas ou até mesmo o dobro, com amplificadores capazes de permitir que todos ouçam os discursos feitos no púlpito do Tabernáculo e, além disso, ligados a um sistema de transmissão com receptores nas capelas e outros locais de reunião da região montanhosa”. (Diário de James E. Talmage, 29 de agosto de 1924, Special Collections and Manuscripts, Harold B. Lee Library, Brigham Young University, Provo, Utah)

Em 1940, a Primeira Presidência e os Doze pediram a seu arquiteto que projetasse um edifício para 19.000 pessoas e que seria construído onde este prédio está hoje. Isso foi há 60 anos. Eles pensaram a respeito, falaram a respeito, mas finalmente abandonaram a ideia completamente.

Essas declarações e atos foram incrivelmente proféticos. Nada sabíamos sobre eles. Todas chegaram ao nosso conhecimento depois que iniciamos esta construção.

O Presidente Hinckley então concluiu:

“Não construímos um templo com árvores e aquários no telhado. Mas este edifício tem muitas árvores e água corrente. Brigham Young pode ter visto esta estrutura muito próxima do templo. Temos tudo que o irmão Talmage imaginou e muito, muito mais. Estes serviços não serão ouvidos apenas pelos que estão sentados no Centro de Conferências. Eles serão levados por rádio, televisão e cabo e transmitidos por satélite para a Europa, México e América do Sul. Chegamos muito além da região montanhosa de que o irmão Talmage falou. Chegamos além dos limites dos Estados Unidos e do Canadá. Basicamente, chegamos ao mundo inteiro.” (“A Todo o Mundo como Testemunho”, Conferência Geral abril de 200)

Horários da Conferência Geral

A Conferência Geral acontecerá no dia 06 e 07 de Outubro de 2018, direto do Centro de Conferências. No sábado, haverá duas sessões gerais: 13h e 17h (horário de Brasília), além da sessão das mulheres, às 21h. No domingo, mais duas sessões gerais: 13h e 17h.

As transmissões acontecem pela internet no site lds.org ou no canal da Igreja no YouTube.

O mormonsud também fará uma cobertura especial, com vídeos ao vivo direto do Centro de Conferências. Acompanhe a página do Facebook e a página do Instagram para não perder o conteúdo exclusivo.

Relacionado:

As palavras mais usadas na última Conferência Geral