“Vós sois o sal da terra; e se o sal se tornar insípido, com que se há de salgar? para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens.

Vós sois a luz do mundo…”

Mateus 5:13

Todos os que acreditam nos ensinamentos de Jesus Cristo se esforçam para viver o convite de contribuir com a sociedade a nossa volta. Até mesmo aqueles que não acreditam na origem divina do Salvador reconhecem o valor de Suas contribuições na construção do alicerce moral da sociedade.

Porém, Seus seguidores se esforçam para seguir Seu exemplo e viver o convite feito por ele de ser o “sal da terra” ou “a luz do mundo.”

Ao seguir o exemplo de Cristo muitos encontram desafios e ouvem repetidamente frases que tentam contestar o valor da religião em nossa sociedade moderna. Então, de que maneira a religião beneficia a sociedade?

“Religião é o veículo no qual muitos aprendem e praticam moralidade.” – Will Saletan

Muitos dos avanços morais da sociedade foram motivados por princípios religiosos. Avanços como a abolição da escravatura, por exemplo, foram apoiadas por líderes com fortes convicções morais de origem religiosa e influenciaram leis que protegem a liberdade e direito de democracia.

Elder Holland disse:

“Talvez seja menos óbvio para alguns que a religião e a moralidade têm um papel essencial em manter e promover um governo efetivo.  As únicas soluções para muitos dos sérios problemas que enfrentamos hoje no mundo são espirituais; não políticos e econômicos. Racismo, violência, e crimes de ódio, por exemplo, são problemas espirituais. A única solução real para eles é espiritual. ”

Elder Jeffrey R. Holland

Tradução Livre

Os problemas que enfrentamos hoje no mundo são originados em indivíduos que falham em seguir diretrizes morais. O ataque a religião não é somente direcionado a instituições, ele é direcionado à natureza humana.

“[As religiões] nos oferecem um código de conduta e um compasso moral para nossa vida, nos ajudam a estimar o profundo amor humano, e nos fortalecem contra a profunda perda humana.

Se nós perdermos a consideração por estes elementos profundos de nossa existência mortal – elementos divinos, se me permitem dizer – nós perderemos uma parte, ou a maior parte, do que tem valor nesta vida. ”

Elder Jeffrey R. Holland

Tradução Livre

Outros afirmam que os problemas que enfrentamos são originados nas religiões e seus conflitos de interesse. Sobre esse assunto, o Élder Dallin H. Oaks, do Quórum dos Doze disse:

“O foco da mídia atual está nas atrocidades de extremistas agindo supostamente de acordo com os interesses do Islã em alguns lugares do mundo. Quando estes grupos tentam justificar suas ações em um contexto religioso, eu somente os vejo como excessos na margem de que algo que mal pode ser considerado ‘religião. ‘ Muitos líderes mulçumanos condenaram as ações desses grupos. Suas atrocidades não se encaixam na liberdade religiosa que eu estimo.

Além disso, aqueles que condenam religião como a origem de grandes atrocidades na história do mundo devem aceitar que os conflitos mais sangrentos da história, incluindo os assassinatos em massa no último século, não foram feitos em nome de religião. O genocídio do Holocausto, o Expurgo de Stalin, a Revolução Cultural Chinesa, os campos de extermínio do Khmer Vermelho, e a limpeza étnica na Iugoslávia, Ruanda e África Central, foram motivadas por ideologias seculares e diferenças políticas, étnicas ou tribais. Essas atrocidades não foram motivas por rivalidades religiosas.”

Elder Dallin H. Oaks

Tradução Livre

Religare

A etimologia da palavra religião tem origens do latin religare, que significa “ligar” ou “religar. ”

“… ‘religião’ é o que une o que estava separado e que mantem em lugar aquilo que poderia ser destruído. Isto é uma necessidade óbvia para nós, individualmente e coletivamente, devido as dificuldades e tribulações que enfrentamos aqui na mortalidade. ” – Elder Holland

Portanto, a religião e a liberdade de crença são essenciais no progresso individual e coletivo. Os pilares morais que sustentam os avanços da sociedade foram estruturados na base de princípios religiosos.

Saiba mais como a religião pode influenciar sua vida aqui no mormonsud.net

 

__________

Elder Jeffrey R. Holland Says Religion “Essential” to Society and Individuals

A Mormon Perspective on Religious Freedom