Como podemos alcançar uma felicidade duradoura por meio de Cristo?

Com as mídias sociais cheias de pessoas vivendo suas aventuras, experiências emocionantes, viagens cheias de prazer, prosperidade constante, e vidas aparentemente livres de cuidados, é tão fácil ser influenciado pela ideia de que este é o caminho para a verdadeira felicidade.

Não há dúvida de que este modo de vida pode ser emocionante e divertido, mas a verdadeira felicidade é muito mais do que alegria constante. A verdadeira felicidade é um estado de ser, algo que podemos controlar e alcançar através de nossos esforços persistentes. É algo que perdura independentemente da situação em que estamos.

Então, como podemos alcançá-la?

“Serei feliz quando…”

Muitas pessoas não conseguem ver alegria porque têm uma mentalidade de “serei feliz quando…”, uma crença de que uma vez que finalmente “conquistamos”, ficaremos contentes e felizes.

E se não conseguirmos? O que acontece depois? A nossa felicidade depende apenas se algo acontece em nossas vidas ou não? A nossa felicidade depende do nosso sucesso?

Se permitirmos que esta mentalidade nos defina, nossas vidas se tornarão uma espiral de picos momentâneos a cada “conquista”, mas sem nunca compreender verdadeiramente e abraçar as alegrias que vêm de aprender nos momentos crescimento que vivenciamos enquanto trabalhamos para os nossos objetivos.

Não é que não devamos concentrar-nos nos nossos objetivos e direção. A direção é o que nos dá um propósito. É a força motriz por trás dos nossos esforços. Apesar de nossos esforços serem algo bom, não faz mal parar e celebrar as as emoções positivas e o nosso progresso todos os dias, não importa o quão pequeno seja.

Se não progredirmos e não experimentarmos um revés, ainda podemos reconhecer as lições que aquela experiência nos ensinou e como podemos fazer e nos tornar melhores. Quando fazemos isso, a felicidade se torna algo que podemos buscar e alcançar todos os dias.

Expandir nossa capacidade de felicidade

Outra coisa importante sobre a felicidade é que não é a ausência de lutas, frustrações, dor, oposição e outros sentimentos desagradáveis. Todos nós experimentamos algum grau de dificuldade em nossas vidas.

A felicidade é aprender a viver em meio às dificuldades e responder a elas da melhor maneira possível. Como respondemos a essas dificuldades pode expandir nossa capacidade de ver, sentir e abraçar a felicidade.

Em nossa resposta está o crescimento e a aprendizagem que podem levar à realização e à alegria. Podemos crescer por meio do que passamos com otimismo e esperança de coisas boas virão.

Lado a lado com Ele

O último e fundamental aspecto para alcançar a felicidade duradoura é caminhar lado a lado com Cristo a cada passo do caminho.

Porque a felicidade é o propósito e o desígnio da nossa existência, não é surpreendente que antes de nos enviar para a terra, Deus preparou um caminho para nos ajudar a alcançar o que viemos buscar aqui na Terra, se assim escolhermos.

Este caminho foi traçado para nós nas sagradas escrituras, escritas pelos profetas antigos e vivos nos últimos dias.

Este caminho para a felicidade duradoura não é sobre ter uma vida perfeita, porque ninguém pode atingir a perfeição nesta vida, exceto Jesus Cristo, que foi aperfeiçoado linha sobre linha, preceito sobre preceito.

Ele exige nossos melhores esforços

a morte, a graça

Tudo o que Deus exige de nós é nossos melhores esforços.  Em um encontro com crianças primárias, o Presidente Russel M. Nelson compartilhou talvez as palavras mais tranquilizadoras para nos ajudar a entender melhor o imenso amor que Deus tem por nós.

Ele disse: “o Senhor ama o esforço porque o esforço traz recompensas que não viriam de outra forma.”

Nossos esforços para seguir os mandamentos, amar a Deus, nosso próximo, até mesmo os nossos inimigos, perdoar os outros, viver humildemente e em paz, respeitar as pessoas independentemente de suas crenças, de cuidar de nós mesmos e aqueles que precisam, lembram Dele nos momentos de alegria e tristeza, e esforçar-se para continuar no caminho que nos levará de volta a Ele, realmente CONTAM.

Cada um de nossos esforços contam, por mais pequenos que possam parecer. Se dermos o nosso melhor, Ele ampliará os nossos esforços e nos ajudará a colher a recompensa prometida da felicidade eterna. A felicidade não acontece apenas, nós a fazemos acontecer através de Cristo, que é o autor final da felicidade duradoura.

Fonte: Faith Ph

| Para refletir

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *