O Coro do Tabernáculo comemora 110 anos de sua primeira gravação com um novo vídeo musical de Star Wars

Mesmo que o novo vídeo do Coro do Tabernáculo na Praça do Templo tenha sido filmado no conhecido e icônico Tabernáculo, os telespectadores podem sentir que foram transportados para uma galáxia muito, muito distante, enquanto assistem.

O Coro lançou o vídeo da música “Duel of the Fates”, uma canção encontrada em seu novo álbum, When You Believe: a Night at the Movies, no dia 10 de setembro. O lançamento do vídeo coincide com o 110º aniversário da primeira gravação do Coro do Tabernáculo.

O Coro comemorou o aniversário com uma conferência de imprensa realizada na Praça do Templo. O presidente do Coro, Ron Jarrett, o diretor do Coro, Mack Wilberg, e o historiador Richard E. Turley Jr. falaram sobre o lançamento do novo vídeo, a história da primeira gravação do Coro, e o quais são os planos para o futuro do Coro.

Antes de apresentar o vídeo, Jarrett disse aos presentes, “vocês vão ficar surpresos.” O vídeo inclui ângulos dramáticos e fumaça, e foi dirigido por Devin Graham, um videógrafo popular do YouTube conhecido por seus seguidores como Devinsupertramp. As filmagens ocorreram antes da pandemia.

“Adoramos este vídeo porque é divertido”, disse Jarrett. “Foi divertido gravar. Foi uma experiência agradável. Era uma música diferente da que cantamos normalmente e, no entanto, ainda tem um núcleo, uma crença, uma fé e um empate.”

Quando o Coro lançou o álbum “When You Believe: A Night at the Movies”, Wilberg disse à Deseret News que era de primordial importância ter música inspiradora e que promovesse a fé. “Tanto Star Wars quanto os Vingadores são filmes sobre vencer a escuridão. A música tem que ter uma integridade sobre isso.”

Na conferência de imprensa, Wilberg observou a história e amizade do Coro com John Williams, que escreveu uma peça para o Coro do Tabernáculo como parte das cerimônias de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2002 em Salt Lake City.

“É um pequeno bônus fazer esta peça que normalmente não faríamos em uma manhã de domingo, por exemplo, e você poderia perceber que todos estavam se divertindo muito fazendo isso”, disse Wilberg.

Foto: Churchnews

História da primeira gravação

No dia 1 de setembro de 1910, a primeira gravação de um grande coro (o Coro do Tabernáculo) ocorreu no Tabernáculo de Salt Lake para a Columbia Phonograph Company. Na época, a gravação foi feita acusticamente, o que significa que não foram utilizados microfones.

“Em vez disso, as ondas de som musicais percorreram uma grande concha e vibraram uma agulha de safira que corria ao longo de um disco plano feito principalmente de cera aquecida a 35 graus Celsius, criando um cilindro de gravação”, explicou Turley. “O cilindro de cera poderia ser usado para produzir discos de 78 rotações ou também chamados de discos de goma-laca, para distribuição comercial.”

Usar essa tecnologia funcionou bem ao gravar artistas solo e pequenos grupos, mas as empresas de gravação estavam ansiosas para ir além dessas limitações para capturar grandes coros, orquestras e órgãos com seus muitos tubos, disse Turley.

Um engenheiro da Columbia Phonograph Company viajou para Salt Lake para tentar uma gravação no Tabernáculo de Salt Lake. Em 30 e 31 de agosto, o engenheiro gravou o organista John J. McClellan, e na quinta-feira, 1 de setembro, o coro foi gravado.

“Para gravar o Coro, o engenheiro suspendeu duas grandes conchas de recepção em uma corda pendurada entre os mezaninos norte e sul”, explicou Turley. Ele apontou um para os sopranos e contraltos, o outro para os tenores e baixos. Ele tinha todos os membros do coro juntos, o que exigia que as mulheres removessem seus chapéus que estavam na moda na época. Todos os membros do coro foram então convidados a se virarem para as conchas e cantar para eles.”

Naquela noite, o Coro gravou 12 números conduzidos por Evan Stevens. Oito dessas gravações foram lançadas comercialmente. Até agora, o Coro teve 97 lançamentos, com 48 CDs, 28 DVD/VHS e Blu-ray, e 21 livros. Como parte da conferência de imprensa, uma gravação de 1910 de McClellan no órgão foi tocada. Turley observou que pode soar como se o organista estivesse correndo porque a tecnologia na época só permitia uma gravação máxima de 3 minutos e 15 segundos em cada lado do disco.

“Hoje, os registros de 1910 são extremamente raros, com todas as cópias conhecidas em instituições e algumas coleções privadas”, disse Turley. “O melhor que posso dizer como um historiador é que eles são mais raros que o Livro dos Mandamentos, a primeira compilação das revelações de Joseph Smith, cópias que foram vendidas por mais de 100 milhões de dólares.”

Versão digital primeiro

Wilberg observou que o Coro sempre esteve na vanguarda da tecnologia.

“Essa tecnologia abriu um mundo completamente novo para tudo, mas particularmente para o coro e seu acesso”, disse Wilberg.

Jarrett observou que o Coro é ativo em todas as plataformas de mídia social, e o canal do Coro no YouTube tem mais de 247 milhões de visualizações.

“Na verdade, durante esta pandemia global, o Coro e a Orquestra têm sido vistos de forma mais consistente, mais frequentemente, e foram trazidos para fazer parte da vida das pessoas de forma mais consistente por adorarem ao Senhor em casa”, disse Jarrett. “Muitas pessoas encontram a paz e o conforto da boa música em todo o mundo.”

Jarrett observou que compartilhar essas mensagens continua a missão do Coro para atrair ouvintes para o divino e para celebrar o amor de Deus por todos os Seus filhos.

“É uma grande oportunidade de servir e uma grande oportunidade de ouvir.”

A seguir

Embora a pandemia tenha cancelado o Concerto de Natal do Coro, Wilberg compartilhou alguns dos próximos eventos. Um CD e DVD do Concerto de Natal de 2019, que conta com a presença de Kelli O’Hara e Richard Thomas está disponível para a pré-venda, juntamente com um livro adapatado “Christmas Day in the Morning” a história que Thomas apresentou no palco durante o Concerto ao vivo. Em dezembro, o concerto fará parte do 17º Especial de Natal dos Corais no canal norte-americano PBS.

Fonte: LDS Living

Relacionado:

O Coro do Tabernáculo cancela o Concerto de Natal de 2020

| Entretenimento

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *