As histórias dos bastidores de “O Menino Jesus: A História da Natividade”

Filmado no estúdio da Igreja, que fica em Goshen, Utah, “O Menino Jesus: A História da Natividade”, traz à vida as escrituras que conhecemos na Bíblia como nunca antes feito. Ao mostrar Maria, José, os pastores, os reis magos e o Menino Jesus como indivíduos reais, o filme de quase 18 minutos capturou os corações de muitos por contar os eventos sagrados daquele primeiro Natal.

Lançado em novembro de 2019, o vídeo agora tem mais de 2 milhões de visualizações no YouTube. Mas o que aconteceu nos bastidores deste filme especial? Historiadores, estudiosos, diretores e outras pessoas compartilham como tudo aconteceu em um novo vídeo lançado pela Igreja. Aqui estão alguns destaques do que eles contaram.

Maria e José

O escritor e diretor John Foss explicou que algo essencial para contar a história da Natividade era capturar momentos entre Maria e José que eram importantes para os espectadores verem de uma forma que talvez não tivessem visto antes. Momentos humanos, como quando Maria está tendo uma contração e não consegue se levantar devido à dor, dão vida à história.

O ponto de vista de José também foi importante no vídeo. Ao invés de tê-lo como um personagem secundário “meio apagado”, o diretor de criação, Jeff Taylor, disse que eles queriam destacar o papel de José. Jacob Sidney Cohen, que fez o papel de José, explicou sobre seu papel:

“Sei que sempre que trabalhamos nisto, tudo gira em torno do meu amor por Maria”, disse ele. “Cada passo que dou, cada pensamento é inspirado por ela e o que posso fazer para protegê-la e ajudar a dar à luz este bebê.”

Brooklyn McDaris, que fez o papel de Maria, também compartilhou como ela tentou explorar o que Maria teria sido.

“Ela foi incrivelmente forte por ter passado por isso e ser tão jovem, e aceitar o que Deus estava dizendo que ia acontecer”, disse ela. “Isso requer muita coragem e força.”

Não há lugar na estalagem

O estudioso da Bíblia e historiador, Dr. Matthew Grey, explicou que nas escrituras, quando lemos que não havia lugar para Maria e José na estalagem, muitas vezes pensamos em um hotel, de modo que muitas vezes é retratado. Mas a palavra “estalagem”, acrescentou o estudioso da Bíblia e historiador Dr. Jason Combs, é na verdade a tradução grega de uma palavra que significa algo como “quarto de hóspedes.”

Em vez de mostrar Maria e José chegando em Belém da maneira tradicional, o vídeo mostra o que estes dois historiadores acreditam ser mais preciso com base nas escrituras. Embora o texto não afirme explicitamente isso, estes historiadores acreditam que é mais provável que Maria e José tenham ido para uma residência familiar, talvez para a casa de um parece que vivia na área. O vídeo mostra Maria e José sendo recebidos na sua chegada, mas não havia espaço para eles se deitarem—eles, portanto, tiveram que procurar espaço na parte de trás onde os animais eram mantidos.

Os Pastores

Pastorear nos tempos do Novo Testamento não era só para homens mais velhos. Em “O Menino Jesus”, os telespectadores vão notar homens jovens, bem como uma menina que são destaque na história.

“Temos este momento maravilhoso em que os pastores entram, e esta jovem pastora, que teria a mesma idade de Maria—eles só têm este momento de conexão, de perceber esta união e a magia deste momento que acabou de acontecer”, disse Taylor.

O idioma

A fim de contar a história visualmente, Foss queria que houvesse muito pouco diálogo, então eles começaram a pensar se eles poderiam usar uma linguagem diferente no filme. Na época, Maria e José teriam falado aramaico. Mas uma vez que aramaico é agora uma língua morta, a equipe teve que encontrar um estudioso que pudesse ajudar.

O estudioso da língua do Oriente Próximo, David Calabro, que estudou aramaico por 15 anos e faz trabalhos de tradução com a língua, veio para ajudar. Calabro trabalhou principalmente com José e Maria, o líder dos reis magos, e os extras do filme, variando o que tinham que dizer dependendo da situação e ensinando-lhes a pronúncia. Conseguir falar aramaico foi mais fácil para Cohen (José), que cresceu falando hebraico fluentemente, mas não foi tão fácil para outros atores e atrizes.

Não ter legendas ajudou a contar a história de uma nova maneira, disse Foss.

“Isso realmente te puxa para a história, e te faz prestar mais atenção ao que realmente está acontecendo. E ao longo do caminho, você está fazendo a si mesmo um monte de perguntas, mas você está recebendo muitas das respostas enquanto você está indo ao longo da viagem”, disse ele.

Os Reis Magos

No filme, os espectadores vão notar que não há apenas três reis magos na cena—há uma caravana inteira de pessoas.

“A tradição de que há três reis magos vem do fato de que eles oferecem ao Menino Jesus três presentes—ouro, incenso e mirra”, disse Combs. “Mas não há nada na história que nos diga precisamente quantos reis magos havia.”

A cena em que os reis magos chegam também retrata o Menino Jesus com cerca de 2 anos de idade. Considerando que o Rei Herodes emite um decreto para que todas as crianças com menos de 2 anos de idade sejam massacradas, disse Grey, muitos estudiosos acreditam que Jesus poderia ter tido nessa idade na época.

os três reis magos

Quando o líder dos reis magos se curva diante do Menino Jesus, os telespectadores não podem deixar de se perguntar o que fariam se estivessem na mesma posição, disse Foss, considerando como agiriam, se pudessem falar, e o que diriam se estivessem em seu lugar.

O historiador e estudioso da Bíblia, Dr. Richard Holzapfel, também lembrou o poder e o espírito dessa cena.

“A emoção estava lá, e apenas o seu sentimento e tudo o que se juntava. Ele está vendo este Rei Divino, este Messias, e todos os seus sonhos, todas as suas expectativas, estão embrulhados neste menino de dois anos”, disse ele. “Ele estava com o rei Herodes, que era poderoso, ele estava literalmente em seu auge, e então o contraste entre aquele rei terreno e este jovem menino . . . deve ter sido assim.”

Confira o vídeo completo abaixo:

Fonte: LDS Living

| Entretenimento

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *