“Cremos na mesma organização que existia na Igreja Primitiva, isto é, apóstolos, profetas, pastores, mestres, evangelistas, etc.”

Os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, popularmente conhecidos como mórmons, acreditam na mesma organização que existia na Igreja Primitiva. Em outras palavras, acreditam que Deus continua a chamar apóstolos e também profetas. Isso parece diferente para você? Lemos em Efésios capítulo 2 versículo 20: 

“Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina.”  

E acreditam os membros que assim deve ser.

A Apostasia

Houve um tempo de escuridão espiritual. Um período descrito por Amós como um tempo de fome e sede: “Eis que vêm dias diz o Senhor Deus, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor.”  (Amós 8:11) . Esse período também é conhecido como Apostasia. Apostasia pode ser definida como afastamento da verdade.

Durante esse período, não houve profetas ou apóstolos na Terra. As pessoas se afastaram de Deus e de Seus ensinamentos. E o Senhor Deus retirou da face de toda a Terra a autoridade para agir em Seu nome. (2 Tessalonicenses 2:1-3)

Restauração

Era necessária então uma restauração de todas as coisas.

“O qual convém que o céu contenha até aos tempos da restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas desde o início.” (Atos 3:21).

Através da restauração do Evangelho², evento esse que acreditam os membros ter trazido de volta a Igreja de Jesus Cristo, muitas coisas voltaram a ser como nos tempos bíblicos e uma dessas coisas é a organização da Igreja. O evento da restauração do Evangelho iniciou-se em 1820 com a Primeira Visão do Profeta Joseph Smith³ e segue até os dias de hoje.

Profetas

Com a organização de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias em abril de 1830 um profeta foi apoiado – Joseph Smith Jr. E a sucessão de profetas continua até os dias de hoje, tendo como atual profeta, o também Presidente da Igreja – Thomas Spencer Monson[4].

A sucessão de profetas desde Joseph Smith Jr até os dias atuais pode ser acessada clicando aqui. É interessante lembrar que não há na Terra mais de um profeta ao mesmo tempo! Atualmente, Thomas Spencer Monson é o profeta do Senhor na Terra.

Apóstolos

Além de profetas, a Igreja de Jesus Cristo é organizada com apóstolos.  Em grego, a palavra apóstolo significa “enviado”. Apóstolo foi um título dado por Jesus aos Doze por ele escolhidos e ordenados para serem seus discípulos e auxiliares mais achegados durante seu ministério terreno. (Lucas 6:13; João 15:16). Ele enviou-os para que o representassem e exercessem o ministério em seu nome após sua ascensão aos céus. Tanto na antiguidade como hoje em dia, os apóstolos são testemunhas especiais de Jesus Cristo no mundo inteiro, para testificar sua divindade e sua ressurreição dos mortos (Atos 1:22)

 

Os apóstolos são escolhidos pelo Senhor (João 6:70; João 15:16). Dentre seus discípulos Jesus escolheu doze apóstolos (Lucas 6:13-16).

De forma semelhante acontece nos dias atuais. Os apóstolos também são chamados por Deus. E assim como era feito naquele tempo, a ordenação é feita por imposição de mãos por quem possua autoridade, ou seja, somente o profeta pode ordenar um apóstolo. (Números 27:18, 22-23; Deuteronômio 34:9; Marcos 6:5).

Nas demais partes da Igreja há também uma grande organização. Afinal, a casa do Senhor é uma casa de ordem.

Líderes locais

Perto de sua casa provavelmente há uma capela de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Cada Ala ou ramo abrange uma área geográfica na qual bispos ou presidentes de ramos são responsáveis. O cargo que ocupam na Igreja é totalmente voluntário e não há uma escola preparatória para eles, como acontece na maioria de outras religiões. Sua preparação se dá com o exercício e com o tempo, além de treinamentos promovidos eventualmente. Um conjunto de Alas formam uma Estaca, com sua devida liderança. Os líderes trabalham de forma voluntária para servir e estar à disposição dos membros.

Missionários

E para que todas as pessoas do mundo possam usufruir de tamanha organização, os membros levam a sério a recomendação contida no livro de Marcos:

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura” (Marcos 16:15).

Há missionários de tempo integral por praticamente todo o mundo. São atualmente 70.946 missionários servindo![5] Isso não é maravilhoso? Para saber mais sobre os missionários clique aqui.

Centralizados em Jesus Cristo

Parece muita coisa e talvez o seja em um primeiro momento. Mas o Reino de Deus é organizado e todas as coisas são como Ele quer que sejam.

Tudo que é feito na Igreja, é graças ao trabalho feito por homens e mulheres comprometidos, mas guiados pelo próprio Pai Celestial.  Tendo sempre em mente que o maior objetivo Dele é:

 “…levar a efeito a imortalidade e vida eterna do homem.” (Moisés 1:39)  

O mapa para chegar ao Pai Celestial e a Seu Filho Jesus Cristo está delineado no evangelho restaurado e é ensinado na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Começa com o batismo para fazermos parte do rebanho de Cristo, a participação em Suas ordenanças sagradas e a integração em Sua Igreja. A jornada prossegue com a participação em uma congregação amigável cujo propósito é elevar e ser elevado — e finalmente, ser salvo no reino de Deus. [6]

 

Saiba mais sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias aqui.

Referências

 

[1] Regras de Fé é um conjunto de crenças em que os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias acreditam.

[2] Restauração do Evangelho

[3] A Primeira Visão de Joseph Smith

[4] Presidente Thomas Spencer Monson

[5] Fatos e Estatísticas – Sala de Imprensa Mórmon

[6] A Igreja de Jesus Cristo