fbpx

Deus queria que Eva comesse o fruto proibido?

Embora pareça presunçoso querer saber o que Deus desejava na época, temos algumas ideias sobre o plano para o qual Ele chamou Adão e Eva.

O que sabemos

O Plano de Salvação de Deus foi preparado antes da fundação do mundo.

Em Alma 22:13, Aarão ensina o evangelho ao pai do rei Lamôni e começa sua lição com a criação da Terra:

“E Aarão explicou-lhe as escrituras, desde a criação de Adão, expondo-lhe a queda do homem e seu estado carnal; e também o plano de redenção que havia sido preparado desde a fundação do mundo, por meio de Cristo, para todos os que acreditassem em seu nome.”

Como Cristo nos salvaria do pecado se não houvesse pecado no mundo?

Se Adão e Eva não tivessem provado do fruto proibido, teriam permanecido na presença de Deus. Teriam permanecido sem pecado, também sem filhos e sem conhecer o bem e o mal. Ou, nas palavras de Eva:

“Se não fosse por nossa transgressão, jamais teríamos tido semente e jamais teríamos conhecido o bem e o mal e a alegria de nossa redenção e a vida eterna que Deus concede a todos os obedientes” (Moisés 5:10-11).

Sem obter sabedoria através do uso de seu arbítrio, eles não teriam conhecido “a vida eterna que Deus concede a todos os obedientes”. Deus não quer que tenhamos a vida eterna?

E se o fruto não tivesse sido proibido?

Vamos ver a situação de uma outra maneira.

Se Deus não tivesse proibido a fruta e simplesmente dito: “todas essas frutas estão disponíveis para que as comam. A propósito, esta fruta os tornará mortais e sábios. Então, vá em frente. coma-a!”

Qual teria sido o resultado?

Adão e Eva teriam comido do fruto proibido. No entanto, eles teriam permanecido no Jardim do Éden porque não teriam transgredido nenhuma lei. Eles teriam se tornado mortais, mas teriam permanecido na presença de Deus. Não teria havido uma queda para longe de Sua presença.

Pode ser interessante: Eric Clapton, o Plano de Salvação e encontrar consolo ao perder alguém

E, tinha que ter havido uma queda:

“Porque é necessário que haja uma oposição em todas as coisas.  Se assim não fosse, meu primogênito no deserto, não haveria retidão nem iniquidade, nem santidade nem miséria, nem bem nem mal.

Portanto, é preciso que todas as coisas sejam compostas em uma; pois se fossem um só corpo, deveriam permanecer como mortas, não tendo vida nem morte, nem corrupção nem incorrupção, nem felicidade nem miséria, nem sensibilidade nem insensibilidade.

Portanto, teriam sido criadas em vão; portanto, não haveria propósito na sua criação.  Portanto, isso destruiria a sabedoria de Deus e seus eternos propósitos, assim como o poder e a misericórdia e a justiça de Deus” (2 Nefi 2:11-12).

Era parte do plano que Eva (e depois Adão) provassem do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Se fazia parte do plano Dele, acredito ser seguro afirmar que isso fazia parte da vontade Dele.

Como a queda nos dá esperança

Adão não se enganou ao tentar obedecer aos mandamentos de Deus.

Talvez houvesse um tempo e um lugar para cada um dos mandamentos para ajudá-los a se preparar física e espiritualmente para a vida fora do Jardim do Éden.

Ou eles precisassem de um pouco de tempo para amadurecer antes de estarem prontos para viver a lei maior.

Podemos ser muito duros com nós mesmos ou com nossos filhos quando não obedecemos às leis de Deus, quando erramos.

Embora eu não acredite que Deus queira que pequemos, acredito firmemente que Ele pode transformar nossas más decisões em algo bom, se nos voltarmos para Ele; se descobrirmos a alegria de nossa redenção por meio de Jesus Cristo.

Se o que ganhamos através do conhecimento e da experiência (arrependimento) é maior do que o que perdemos através da desobediência aos mandamentos de Deus, então cumprimos Seu plano.

Tenha em mente que seu plano é chamado de “plano de Salvação” ou “plano de redenção”, não “plano de perfeição”.

Se nos arrependermos constantemente; então, nós, como Adão e Eva, ainda podemos nos qualificar para a “vida eterna que Deus concede a todos os obedientes”.

Então, anime-se. Desviar-nos do caminho não significa que nos desviamos do Seu plano. Sua Graça foi suficiente para Eva, mas também é para você e para mim.

Fonte: LDS Daily

| Perguntas e Respostas, Popular

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *