A redução no número de indicadores-chave que os missionários relatam e as mudanças no ensino familiar para ministrar são exemplos de atualizações da versão online de “Pregar Meu Evangelho: Guia para o Serviço Missionário”.

A atualização foi anunciada em uma carta da Primeira Presidência de 22 de junho que foi enviada para Autoridades Gerais e Setentas de Área, líderes gerais das Auxiliares, presidentes de missão e centros de treinamento missionário, presidentes de estacas e distritos, bispos e presidentes de ramo.

As atualizações de refletem as mudanças na igreja e nos programas missionários, bem como os produtos e as políticas atuais de História da Família. As atualizações estão disponíveis eletronicamente no aplicativo Biblioteca do Evangelho e no site lds.org.

Outros idiomas

Mais tarde, durante o ano e no começo de 2019, serão feitas atualizações em “Pregar Meu Evangelho” em outros idiomas — alemão, cebuano, chinês, coreano, espanhol, francês, italiano, japonês, português, russo, samoano, tagalo e tonganês. Os líderes receberão notificações quando versões revistas eletrônicas e impressas estiverem disponíveis no idioma local. Os missionários e membros usarão as versões atuais até que as atualizações estejam disponíveis.

A carta da Primeira Presidência observou que a doutrina e os princípios encontrados no “Pregar Meu Evangelho” são aplicáveis tanto aos membros como aos missionários. O Pregar Meu Evangelho ajudará membros e missionários a aprender e ensinar melhor a doutrina do evangelho de Cristo, responder às perguntas do evangelho, promover a unidade entre membros e missionários de tempo integral e fortalecer a conversão”, diz a carta.

Indicadores-chave

A recente atualização online de “Pregar Meu Evangelho” reflete as alterações dos indicadores chave usado pelos missionários. No capítulo 8, “Como Posso Usar o Tempo com Sabedoria?”, no subtítulo “Indicadores-Chave para Registrar e Relatar”, quatro indicadores-chave são listadas como itens com a palavra “pessoas” substituindo o termo anteriormente utilizado “pesquisadores”.

Os quatro são:

  • Pessoas batizadas e confirmadas
  • Pessoas com data de batismo marcada
  • Pessoas que assistiram à reunião sacramental
  • Novas pessoas sendo ensinadas.

Novos termos

Outro exemplo da atualização pode ser encontrado no capítulo 12, “Como Preparar as Pessoas para o Batismo e Confirmação?”. No subtítulo “A Reunião Batismal”, os missionários são incentivados a convidar um membro do bispado, líderes do quórum e das auxiliares e “irmãos e irmãs ministradores (quando designados)” para participarem da reunião.

A linguagem reflete as mudanças da Igreja anunciadas na conferência geral de abril de 2018, na qual o programa de mestre familiar e professoras visitantes foi substituído pelo novo programa de ministrar. Antes, o Pregar Meu Evangelho usava os termos “mestres familiares e professoras visitantes.”

As atualizações online de “Pregar Meu Evangelho” estarão detalhadas na Mensagens da Primeira Presidência  dirigida ao “Caro Missionário”, na mensagem que segue a página título.

A primeira linha diz: “Queremos cumprimentá-lo pelo grande privilégio que você tem de ser um missionário.” Mais adiante diz: “Queremos desafiá-lo a assumir um compromisso ainda maior de ajudar o nosso Pai Celestial em Sua obra gloriosa”. As edições anteriores impressas e online de “Pregar Meu Evangelho” usaram frases com “Queremos cumprimentá-lo” e “queremos desafiá-lo”.

Fonte: LDSChurchNews

Relacionado:

Mudanças no Programa Missionário que Estão Por Vir