“Quando eu tinha a idade desse rapaz aqui, 12 anos, vi pornografia pela primeira vez”, Bray Hallman de 20 anos diz em um vídeo na sua conta do Facebook. “Fiquei viciado desde aquele dia”, ele conta.

Sentado ao lado de seu irmão mais novo em um pátio externo, Bray relata como começou o seu vício em pornografia. E diz que no início era uma válvula para aliviar o estresse e encontrar um pouco de felicidade. Mas com o passar do tempo e com seu vício em pornografia ficando mais forte, ele ficou deprimido e tinha pensamentos suicidas enquanto via o seu vício destruir relacionamentos com amigos e familiares. 

Então Bray baixou o Snapchat, um aplicativo que permite aos usuários enviar e receber fotos que são automaticamente excluídas depois de um certo tempo. O aplicativo de mídia social acabou por ser outra fonte de pornografia, sugerindo artigos pornográficos para ele ver junto com a capacidade de enviar e receber fotos inapropriadas que sumiriam em breve. 

Agora, há alguns meses sóbrio de seu vício em pornografia, Bray compartilhou um vídeo sobre o seu vício no Facebook para o Dia Nacional para Excluir o Snapchat e conscientizar sobre como a pornografia é acessível e quais são as terríveis consequências que ela como pode trazer para crianças com idade suficiente para ter ou mexer em um smartphone. A quantidade de crianças que têm acesso a smartphones, e logo à pornografia também, é muito grande. 

“Ser exposto a [pornografia] com 12, 13 anos de idade pode arruinar a vida de uma criança”, diz Bray. “Só queríamos dizer isso a todos. Talvez façamos a diferença no mundo.” 

Assista ao vídeo completo de Bray Hallman e seu irmão Brian falando mais sobre o vício em pornografia abaixo. Se estiver lutando contra essa praga, busque ajuda para livrar-se dela e dos inúmeros efeitos negativos que ela traz à sua vida e à vida daqueles que amam você.

Fonte: LDSLiving.com

Relacionados:

 

O Quanto a Pornografia é Ruim Para Você e Como Se Livrar Dela

Pornografia – Causas, Efeitos e Correntes Quebradas