A Santa Ceia – ou Sacramento, como chamamos – é uma ordenança vital no Evangelho de Jesus Cristo. Todas as semanas, os membros da Igreja se reúnem no domingo para partilhar o sacramento. Separamos sete citações de Autoridades Gerais da Igreja que tratam de aspectos interessantes e importantes sobre essa ordenança sagrada. Confira:

 

1- O SACRAMENTO É UMA NOVA ORDENANÇA. “De maneira simples, porém profunda” explicou Élder James J. Hamula, dos Setentas, “Jesus instituiu uma nova ordenança para o povo do convênio de Deus. Já não seria mais derramado o sangue nem consumida a carne de animais, antevendo o sacrifício redentor de um Cristo que ainda viria. Em vez disso, os emblemas do corpo ferido e do sangue derramado de Cristo, que já havia chegado, seriam tomados e ingeridos em lembrança de Seu sacrifício redentor. A participação nessa nova ordenança significaria para todos a solene aceitação de Jesus como o Cristo prometido e a total disposição de segui-Lo e de guardar Seus mandamentos. Aqueles que assim o fizessem e desse modo conduzissem a vida, seriam poupados da morte espiritual, sendo-lhes assegurada a vida eterna.” [1]

2- COMO SE PREPARAR PARA O SACRAMENTO. Elder Robert D. Hales disse: “Para que o sacramento seja uma experiência espiritualmente purificadora a cada semana, precisamos preparar-nos antes de ir para a reunião sacramental. Fazemos isso, deixando deliberadamente nosso trabalho diário, as atividades recreativas, os pensamentos e as preocupações mundanos de lado. Ao fazer isso, abrimos espaço na mente e no coração para o Espírito Santo.” [2]

3- CURA DURANTE O SACRAMENTO. O Élder Melvin J. Ballard disse: “Quem entre nós não fere seu espírito por palavra, pensamento ou ação de um domingo para o outro? Muitas vezes fazemos coisas das quais nos arrependemos e desejamos ser perdoados. (…) O método de obter perdão (…) [é] arrepender-nos dos pecados, procurando aqueles a quem ofendemos ou contra quem transgredimos a fim de obter perdão, aproximando-nos depois da mesa sacramental, onde, se estivermos sinceramente arrependidos e nos encontrarmos na devida condição, seremos perdoados e nossa alma espiritualmente curada. (…) Sou testemunha de que há um espírito presente na administração do sacramento que aquece a alma dos pés à cabeça. Sentimos as feridas do espírito serem curadas e os fardos serem aliviados. Consolo e felicidade advêm à alma que é digna e realmente desejosa de partilhar desse alimento espiritual” [3].

4- CHAVES DA MINISTRAÇÃO DE ANJOS. O Élder Dallin H. Oaks explicou: “De que forma o Sacerdócio Aarônico tem a chave da ministração de anjos? A resposta é: do mesmo modo que tem o Espírito do Senhor. Geralmente, as bênçãos da companhia e das mensagens espirituais só estão ao alcance das pessoas puras. Conforme expliquei antes, por intermédio das ordenanças do batismo e do sacramento, que pertencem ao Sacerdócio Aarônico, somos purificados de nossos pecados e recebemos a promessa de termos sempre conosco o Seu Espírito, se nos mantivermos fiéis aos nossos convênios. Creio que essa promessa não se refere somente ao Espírito Santo, mas também ao ministério de anjos, porque “os anjos falam pelo poder do Espírito Santo; falam, portanto, as palavras de Cristo”. (2 Néfi 32:3) Sendo assim, os portadores do Sacerdócio Aarônico possibilitam a todos os membros fiéis da Igreja que tomam o sacramento dignamente ter a companhia do Espírito do Senhor e a ministração de anjos.” [4]

5- O SACRAMENTO NÃO PERDOA PECADOS. Elder David A. Bednar explicou: “A ordenança do sacramento é um convite sagrado e constante para nos arrependermos sinceramente e sermos renovados espiritualmente. O ato de tomar o sacramento, por si só, não perdoa os pecados. Mas à medida que nos preparamos conscientemente e participamos dessa ordenança sagrada com um coração quebrantado e um espírito contrito, a promessa é a de que teremos sempre conosco o Espírito do Senhor. E pelo poder santificador do Espírito Santo como nosso companheiro constante, podemos sempre conservar a remissão de nossos pecados.” [5]

6- A MAIS IMPORTANTE REUNIÃO. Elder Dallin H. Oaks também afirmou: “A ordenança do sacramento torna a reunião sacramental a mais sagrada e importante reunião da Igreja.” [6]

7- ROUPAS PARA QUEM OFICIA DURANTE O SACRAMENTO. Élder Jeffrey R. Holland ensinou: “Sugiro que, sempre que possível, os diáconos, mestres e sacerdotes encarregados do sacramento usem camisa branca. Frequentemente usamos roupas formais para as ordenanças sagradas, e a camisa branca pode ser vista como um lembrete da roupa branca usada no batismo e uma antecipação da camisa branca que logo usarão no templo e na missão” [7].

 

 

____________

NOTAS

[1] “O Sacramento e a Expiação”, Conferência Geral Outubro de 2014.

[2]  “Lembrar Quem Somos: O Sacramento, o Templo e o Sacrifício no Serviço”, Conferência Geral Abril de 2012

[3] Melvin J. Ballard, em Melvin R. Ballard, Melvin J. Ballard: Crusader for Righteousness, 1966, pp. 132–133.

[4]  “O Sacerdócio Aarônico e o Sacramento”, Conferência Geral Outubro de 1998

[5] “Conservar Sempre a Remissão de Seus Pecados”, Conferência Geral Abril de 2016

[6] Conferência Geral, outubro de 2008.

[7] “Fazei Isto em Memória de Mim”, A Liahona, janeiro de 1996, pp. 74–75