Shaquille O’Neal elogia ex-jogador da NBA Santo dos Últimos Dias

No Fair Game da Fox Sports com Kristine Leahy, Shaquille O’Neal elogiou o ex-jogador da NBA e santo dos últimos dias, Mark “Mad Dog” Madsen como “o cara mais puro que já conheceu”. Ele continua, “Eu não sei muito sobre os mórmons ou sua religião, mas… a maioria dos calouros, quando entram, ficam doidos, incluindo eu… e Mark não fez nada disso.”

Como companheiros de equipe no Los Angeles Lakers, Shaquille e Mad Dog desenvolveram uma amizade duradoura. Quando perguntaram a Shaquille porque deu milhares de dólares para ajudar Madsen a comprar roupas novas, Shaquille respondeu: “Mad Dog era o cara mais puro da NBA que eu já conheci. Ele era mesmo, e eu tinha de proteger isso.”

Ao se referir ao estilo de vida extravagante e “louco” que muitos jogadores da NBA adotaram, Shaquille lembra de uma conversa que ele teve com Madsen: “Ele disse-me, ‘Shaq, eu não faço isso.’ Foi incrível ouvir isso porque eu nunca tinha ouvido isso antes.”

Foto: Matt A. Brown, SPTSW

Shaquille encorajou seus companheiros de equipe a respeitar as crenças de Madsen e sentiu a responsabilidade de proteger a integridade de Mad Dog e ajudá-lo a se tornar parte da equipe.

“O meu trabalho era protegê-lo. Mas eu ainda queria que ele parecesse legal, sabe, parte da galera, certo?” Recorda Shaquille. “Temos os nossos ternos de mil dólares e Mark, umas calças caqui, uma camisa. E eu disse: ‘Mark, você tem que… você é um jogador da NBA’. ‘Não Shaq, quero guardar dinheiro.'”

Quando Madsen começou a jogar com os Lakers, ele dirigia uma minivan branca de 10 anos que seus pais lhe tinham dado como presente de formatura. Quando Shaquille descobriu o carro amassado entre os outros carros esportivos de luxo que seus companheiros de equipe dirigiram para o treino, ele perguntou no vestiário, “de quem é aquela van branca?!” Quando Madsen admitiu que era dele, Shaquille respondeu: “Você não pode vir pro treino com aquele carro”. Os dois foram para uma concessionária e, em seguida, para algumas lojas de roupas para ajudar a melhorar a aparência de Madsen, ao mesmo tempo que tentavam ficar dentro de seu orçamento.

“Ele é o cara mais puro que já conheci” Este cara não comete erros. Eu o amo”, diz Shaquille sobre Madsen.

Foto: bleacherreport.net

“Shaq é uma das pessoas mais generosas que conheci”, disse Madsen em uma entrevista para o Deseret News. “Ele é uma pessoa maravilhosa e generosa.”

Enquanto a fé de Madsen chamou a atenção de seus companheiros de equipe, também o ajudou a alcançar a NBA. Quando Madsen tinha 13 anos, ele rompeu a cartilagem de seu joelho quando caiu em uma estrada escorregadia. O médico disse que a perna de Madsen não se curaria sozinha e que teria de tirar a cartilagem do joelho, mas a mãe de Madsen, Erlyn, orou para saber o que fazer.

Erlyn disse ao Deseret News: “eu ouvi uma voz: ‘Vai sarar’. Corri e acordei Mark. Eu lhe disse: “seu joelho vai ficar bom. Ouvi uma voz tão clara como o dia. E você foi feito para jogar basquete.’”

E foi isso que o Mark “Mad Dog” Madsen fez.

Foto: nbclosangeles.com

Sobre seu antigo companheiro de equipe, o jogador da NBA Ervin Johnson disse:

“Mark é um bom homem. Ele tem um bom coração; ele tem integridade. Ele se dá bem com todo mundo e tem sempre um sorriso na cara. Ele era o favorito dos fãs. Ele jogava com todo seu empenho. Ele apenas lutou. Todos o adoravam. Acho que ninguém pode dizer nada de ruim sobre ele. É uma das melhores pessoas que conheci até hoje. Temos tanto respeito um pelo outro.”

Sobre sua fé e carreira no basquete, Madsen disse ao Deseret News que ser um santo dos últimos dias ativo o ajudou a compartilhar suas crenças na NBA.

“Às vezes eles ficam curiosos, e é apenas uma chance de falar um pouco mais sobre algumas das coisas que eu acredito”, disse Madsen. “Então eu sempre gosto de ouvir sobre o que eles acreditam e ter uma conversa sincera.”

Fonte: LDS Living

Relacionado:

Um dos melhores quarterbacks dos Estados Unidos deixa tudo para servir ao Senhor

| Vida Mórmon

Comente

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com *