“Uai cumpadre, vamô entrando e tomando um cafezin quentin que acabei de fazê.” Essa é uma saudação típica para esses lados de cá. Minas Gerais é um estado conhecido mundialmente pelo pão de queijo e o tradicional café preto. O Brasil é maior produtor de café do mundo e a maior parte do café exportado sai de Minas, uai.

Quase sempre, os missionários que estão começando a ensinar uma família recebem o convite para tomar um cafezinho ao final da lição. Foi assim na minha casa, quando os missionários estiveram lá pela primeira vez. E acompanhando os missionários em lições, descobri que isso é algo muito comum. Até os missionários que são de outro país se acostumar com isso, leva um logo tempo…

Recusar um convite para um café é motivo de desfeita para os mineiros. Mas, por outro lado, é uma grandiosa oportunidade de ensinar sobre a Palavra de Sabedoria. Uma irmã de nosso ramo inclusive conheceu a Igreja por causa disso!

Quando os missionários se instalaram na pacata cidade do interior do estado, conhecida como Campo Belo, muitos boatos surgiram sobre quem eram aqueles rapazes que falavam muito mal nosso idioma. Ao poucos, descobriram que se tratava de “missionários mórmons”, como todos diziam.

Pouco tempo depois, essa irmã descobriu por meio de sua vizinha, que aqueles “garotos” ensinavam que beber café era algo errado. Ela ficou intrigada com aquilo, achando um absurdo e os parou na rua para questionar. Daquele questionamento veio uma visita e depois outra e outra e outra… Já são mais de 18 anos como membro da Igreja e tudo começou por querer saber o porquê dos mórmons não beber café.

Ensinar sobre a Palavra de Sabedoria para uma população que tem café como algo cultural é completamente difícil. É como querer tirar o chimarrão dos gaúchos ou o caldo de cana de nossos nordestinos. Tomar café é um hábito que começa na infância. Não há questionamentos se café faz mal ou bem para a saúde, simplesmente, se bebe café. É algo que passa de geração para geração. É no café da manhã, é após o almoço, é no café da tarde ou em qualquer momento. Inclusive, mesmo que não vamos consumir o café propriamente dito, dizemos “café” para várias refeições! Está enraizado. No entanto, é possível mudar.

casado

1) Café faz mal

Esse é o primeiro ponto – café faz mal para a saúde! Por aqui, sempre que compartilhamos algo sobre a Palavra de Sabedoria, tendemos a começar por esse ponto, para mostrar o quão ruim podemos estar se estivermos ingerindo café.

Vários estudos comprovam essa verdade. Por mais que existam pessoas, médicos e estudos tentando maquiar os efeitos do café ao longo da vida está claro o quanto o consumo de café prejudica nosso organismo.

O café estimula o fluxo de hormônios causadores de estresse, ansiedade, irritabilidade, insônia e tensão muscular. A cafeína, substância estimulante responsável pelos efeitos do café, pode causar depressão e transtornos de atenção.

Tomar café pode causar desidratação, desconforto estomacal, indigestão e azia. Com o consumo de café, o risco de diabetes é maior porque tem a capacidade de tornar a insulina menos efetiva, o que dificulta a regulação dos níveis de açúcar no sangue. Outro efeito da substância é estimular o lançamento de adrenalina na corrente sanguínea.

2) Café é uma substância viciante.

Muitos se preocupam bastante com a questão de vícios. Erroneamente, muitos julgam que vícios sugerem somente álcool, fumo ou drogas ilícitas. No entanto, há muitos viciados em café. A definição mais simples para a palavra vício que poderíamos dar é: “Costume ou hábito persistente de fazer algo prejudicial”.

Se tivermos o hábito ou costume de tomar café todos os dias, estamos literalmente viciados e isso não é nada bom. .

autor

Arte: Brother Joseph, por David Lindsley

3) É uma revelação do Senhor

Por último, mas não menos importante, vem um ponto muito interessante. Pode ser que depois de vermos que o café faz mal e é viciante, ainda tenhamos dúvidas se devemos parar ou não de beber café. Mas precisamos nos lembrar de onde veio a diretriz de não ingerimos café. Foi de um homem qualquer? Um líder qualquer? Ou do próprio Senhor? A revelação conhecida como a Palavra de Sabedoria veio do próprio Senhor e isso deve dirigir nossos pensamentos e ações.

Em resumo…

Depois de tudo que foi dito, se você é de MG e tem o hábito de tomar café todos os dias, saiba que é possível parar. E mesmo que você não seja de MG, mas tem o costume de consumir o café, entenda que é possível ter uma mudança de hábito. No início, pode ser um pouco “estranho” dizer que não bebe café. Quando digo que sou de MG e que não tomo café, as pessoas se assustam um pouco, todavia, estou sempre pronta para explicar sobre minha decisão. Tenha sempre em mente os motivos de sua decisão! E nunca se esqueça de que sacrifícios trazem bênçãos.

Relacionado:

Mórmons no WhatsApp: Por que os mórmons não bebem café?