Países mais perigosos para cristãos

Imagem via opendoorsusa.org.

Por Danielle B. Wagner

Em 2014, a perseguição aos cristãos no mundo todo atingiu um nível histórico nunca antes visto, fazendo com que diversos jornais do mundo especulassem o que 2015 traria.

A violência e a perseguição somente escalaram. Nesse ano, 2400 igrejas cristãs foram atacadas ou danificadas, mais que o dobro de 2014, de acordo com o Religion News Service. Em 13 de Janeiro, Open Doors declarou que 2015 foi “o pior ano na história moderna de perseguição aos cristãos”, e eles nãos estão esperançosos para o que nos aguarda no próximo ano.

Junto com as estatísticas, Open Doors publicou seu relatório mundial, que analisa a perseguição religiosa no mundo todo para produzir uma lista dos países mais perigosos para os cristãos.

Mesmo que sejam poucos, muitos desses países tem santos dos últimos dias (mórmons) que, junto a outros cristãos, passaram por intensa perseguição e até mesmo a morte devido suas crenças. E mesmo que seja trágico ver a escalação da violência enquanto o mundo se torna mais hostil à mensagem de amor e luz de nosso Salvador, é encorajador saber que os cristãos, incluindo os santos dos últimos dias, defendem suas crenças não importa o que eles tenham de enfrentar.

Estes são os 10 países mais perigosos para um cristão viver. Para ver o resto da lista e a perseguição aos cristãos nesses países, clique aqui (em inglês).

  1. Coreia do Norte
  2. Iraque
  3. Eritreia
  4. Afeganistão
  5. Síria
  6. Paquistão
  7. Somália
  8. Sudão
  9. Irã
  10. Líbia

 

Artigo original em LDSLiving.com. Traduzido por Esdras Kutomi.