Tamires Santos ficou conhecida como a missionária retornada tatuada, depois que nossos amigos do Cine Mórmon divulgaram um vídeo em que ela aparece contando sua experiência (o vídeo esta no final do artigo).

O MórmonSud entrevistou Tamires. Confira:

tamires santosMÓRMONSUD: Você ficou conhecida como a ex-missionária tatuada! Você é uma conversa a Igreja, certo? Fale-nos de suas tatuagens.

Tamires: Sim! Sou missionária retornada. E sou uma conversa à Igreja. Fui batizada à 5 anos atrás. Minhas tatuagens não tem, digamos,”significado”, apenas as fiz quando eu ganhava um campeonatos de MuayThai ou Boxe. Era a ocasião para comemorar – e eu fazia isso me tatuando. Não era da Igreja na época. Eu tenho 33 tatuagens no total.

MÓRMONSUD: Quando decidiu fazer uma missão de tempo integral?

Tamires: Quando conheci a Igreja! Mas como fui ensinada por homens (élderes) não sabia que as mulheres também faziam esse trabalho. Mas quando descobri, senti o desejo de servir ao Senhor na hora!

MÓRMONSUD: Onde você serviu?

Tamires: Na melhor missão do mundo: Brasil Curitiba! Fui missionária do Presidente e Sister Monteiro.

MÓRMONSUD: Concordo que este é a melhor missão (pois eu também servi lá! (risos). Mas me diga três importantes lições que aprendeu em sua missão de tempo integral – que poderiam ajudar um jovem que se prepara para ir para o campo.

Tamires: Nossa somente três?! Mas vamos lá.. Primeiro, você está representando o Senhor (que privilégio!). Essa obra e Dele, e seremos nos Suas pernas e  Sua boca na Terra. Segundo, seja sempre obediente (aos líderes e ao presidente de missão) – e verás os milagres acontecerem. Terceiro, sempre trabalhe. Trabalhar, Trabalhar e trabalhar: aí terás sucesso!

MÓRMONSUD: As tatuagens atrapalharam na preparação missionária e no envio dos papéis para missão?

Tamires: Não atrapalhou na minha preparação e nem no envio da papelada, mas eu já estava ciente de que haveria algumas restrições por ter tatuagens. Na missão minha dificuldade com relação as tatuagens era quando fazia muito calor. Eu não podia mostrá-las.

MÓRMONSUD: O que você diria para um jovem que esta pensando em fazer uma tatuagem?

Tamires: Procure seu Bispo! (risos) Em I Coríntios 3:16 fala claramente que nosso corpo é o Templo de Deus. Se temos o conhecimento disso não devemos sequer pensar em fazer tatuagem. Mas se não tivermos o conhecimento, eu já esclareço agora mesmo: não façam tatuagens!

MÓRMONSUD: Você já foi rotulada ou julgada por ter tatuagens?

Tamires: Com certeza. Mas não devemos nos preocupar com o que as pessoas pensam. Mas sim com o que o Senhor pensa. Ele sabe de todas as coisas. E conhece meu coração. Eu não tinha conhecimento sobre os malefícios da tatuagem.

MÓRMONSUD: O que as pessoas podem fazer para incentivar e apoiar as pessoas que fazem escolhas que fogem dos padrões da Igreja?

Tamires: Primeiramente serem exemplos! Não devemos julgá-las mas sim estender o braço. Amo e escritura que se encontra no Livro de Mórmon 3 Néfi 18:32, que fala do modo como os discipulos de Cristo devem tratar os que estão afastados e rebeldes. É preciso ser amigo dessas pessoas. Meu conselho é: Mostrem amor, sejam como o Salvador.

MÓRMONSUD: Quais seus planos para o futuro?

Tamires: Encontrar um homem digno que me leve ao Templo, para sermos selados para toda eternidade, e ter muitos filhos! E sempre, sempre continuar servindo ao Senhor.

MÓRMONSUD: Muito bem! Tem algo mais a acrescentar?

Tamires: Sou muito grata por ter servido ao Senhor em um missão de tempo integral. Não é fácil. Por isso, irmãos e irmãs que lerem esta entrevista, ajudem e apoiem os missionários de suas alas, ramos e estacas. São anjos do Senhor. Convidem seus amigos para conhecer os missionários. A obra do Senhor precisa ser acelerada! Bênçãos irão cair sobre nós. É isso!

MÓRMONSUD: Obrigado Tamires!

Tamires: Obrigado!

Veja o vídeo que o CineMormon produziu entrevistando a Tamires:

 

Clique aqui para saber mais sobre o que os mórmons pensam sobre tatuagens.